sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Segurar a cabeça nas mãos para que ela não voe qual balão colorido

Já tinha falado aqui disto, de inteligência, de segurar, literalmente, a vida. com dois filhos e a uma hamster cá fora, cada vez penso mais nisso.
Acho que hoje em dia as prioridades estão muitas vezes trocadas, dizem-se coisas sobre tudo, mas quando se trata de pensar, parece que há um certo tabú em usar a massa cinzenta. como se desse azar fazê-lo ou como se estivéssemos a chamar o desastre.
A nossa vida, os nossos objectivos são exactamente aquilo que precisa de ser pensado. E não só para proteger os nossos em caso de nos acontecer alguma coisa, mas para nos protegermos a nós também.
Um cérebro pode ser mais do que aquilo que julgamos que é. Pode ser o que nos salva em caso de perigo súbito e imediato. Pode ser a diferença entre esperar que a vida se resolva ou atacar o problema assim que surge. É uma maneira de garantir o nosso futuro e o conforto das pessoas de quem mais gostamos.

Aconselho-vos a simularem o uso do vosso cérebro AQUI.

60 comentários:

  1. E as dodot, Picante? Onde estão as dodot?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e os vídeos, por amor da santa, aqueles videos servem para que? um a comer um gelado, outro a fazer festinhas à bebé. Qual é o conteúdo daquilo!?

      Eliminar
    2. É só para encher chouriços e manter a audiência.

      Eliminar
  2. boa!
    em vez da simulação de seguros de vida com cobertura duvidosa
    devia ser proibido este tipo de publicidade a quem não sabe o que está a dizer, neste caso a escrever

    ResponderEliminar
  3. Tenho a mesma opinião, mas "atacar o problema assim que surge" é o X da questão: para que isso aconteça é preciso que a pessoa compreenda que tem um problema. O que não acontece.

    ResponderEliminar
  4. hahahah
    adoro a teu sarcasmo e ironia! tão bom, por isso é que venho sempre aqui!

    ResponderEliminar
  5. Concordo com tudo!Na próxima quero links para gajos giros, bifes do lombo e restaurantes bons! é só isto!

    ResponderEliminar
  6. Ainda bem que a fruta chegou a dizer que o blog nunca se iria transformar num baby-blog, no caso de um dia engravidar...
    Mas o que se passa com essas mulheres?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que disse e que cumpriu. Se não, não sei que seria. O blogue não tenho acompanhado muito, mas no insta tem cumprido. Assuntos de gravidez: zero. Ainda bem, que alivio.

      Eliminar
    2. Toda a vida escreveu sobre as coisas dela e o trabalho dela nas diferentes fases da sua vida. Está grávida e feliz, não ia escrever sobre isso? É diferente de andar a promover produtos para piolhos e mostrar marcas de bebés. Ainda não li nada que pudesse ser patrocinado ou vir a ser um baby-blog. E viu-se pelo post dos cursos de maternidade que tem pouca paciência para um mundo mimimi, por acaso não acho nada que vá ser um baby-blog. Ou vai tanto como é o da Pipoca, por exemplo.

      Eliminar
  7. Como é que não hão-de vender os filhos?!?
    Já viste, Picante? http://www.msn.com/pt-pt/noticias/video/escrita-na-internet-pode-render-at%C3%A9-20-mil-euros-por-m%C3%AAs/vi-BBwzDLi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 20.000? Só a MD, essa é menina capaz de tirar coisa semelhante, o restante não acredito se bem que a Fê e a SMS também devem fazer uns trocos valentes.

      Eliminar
    2. Não sei, nem faço ideia. Mas se eu ganhasse 20 mil euros/mês, não moraria numa casa como a da +doce, por exemplo.
      Ainda não vi, mas está aqui o link: http://www.rtp.pt/play/p2231/e251467/linha-da-frente

      Eliminar
    3. Pipocante Irrelevante Delirante24 de setembro de 2016 às 23:59

      E um pouco de reacto, não?
      As Mortaguas ainda ouvem, e fazem um ataque às bloggers do grande capital. Essas que andam a acumular património, tipo viagens, cremes e sapatilhas.
      Depois é que temos guerra...

      Eliminar
    4. Ela tem tanta tralha em casa que tem de por aquilo tudo nalgum lado

      Eliminar
    5. Que vídeo... até me custou ver

      Eliminar
  8. A reportagem peca por se desviar um pouco dos verdadeiros money makers dos blogues. Porque não entrevistaram a Tânia Ricas e a sua amiga Fê ? Ou a princesa e a mãe Caco? Gosto muito do blogue do "amigo" informático mas a verdadeira "grana" não se faz por ali.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se calhar, porque foi para ajudar uma ou outra amiga específica, não? O resto foi para encher o tempo.

      Eliminar
  9. Não me parece que a Caco faça grande fortuna, já a Fernanda com os mercaditos onde cada mais expositor paga 600 para participar, é outra história. A Fernanda sabe se vender a Caco não, ainda tem muito que aprender...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ok, talvez a Caco não tenha sido grande escolha. Ganha mais em publicidade directa no blogue e em viagens, acho mas, mesmo assim, acho que o casting não foi o mais feliz. Que tal entrevistarem a Maria Guedes, por exemplo? Essa, a par da Sónia, da Ana Garcia e da Fê, deve ser das que mais factura.

      Julgo que isto, não sendo um fenómeno recente, será passageiro. Um dia destes aparece uma outra moda qualquer e todas estas mãezocas passam de moda. No fundo, estão a fazer o que qualquer modelo ou jogador de futebol faz: aproveitar a visibilidade que têm enquanto a sua imagem não está saturada.

      Eliminar
    2. E, no caso dos jogadores de futebol, conta também o factor "enquanto tiver força nas canetas". (Anónima das 16:16)

      Eliminar
    3. Também concordo, é uma moda e as modas passam. Qualquer dia o top (como elas dizem) é outra coisa qualquer que não elas... Depois há sempre a questão os miúdos crescem e uns até gostam de ter a vida toda na net, mas outros nem tanto...
      Também não sei como é que há marcas que disparam em todos os sentidos, não gosto da Fernanda, mas tenho de concordar que ela vende, já a Caco apesar de simpatizar com ela não acho que venda, principalmente se forem coisas femininas, as crianças é outra história, ainda assim não me atrai e no entanto acho a simpática ...

      Eliminar
    4. Uns crescem, vão-se tornando adolescentes e ganham outros interesses. Sinceramente não sei como o mais velho da Sónia ainda se dispõe àquilo. Visto por outro prisma, aparecem outras que também querem ter os seus minutos de fama, com os seus bebés ternurentos e vão tirando o lugar às que já cá estão. Se trouxerem pestanas, mamas e fotos espectaculares, o desafio está ganha. E não, isto não é sarcasmo. Às vezes dá-me a sensação de que se anda numa competição de quem mostra mais para se ficar mais bem visto.

      Eliminar
    5. Pipocante Irrelevante Delirante26 de setembro de 2016 às 11:09

      mamas? Onde, onde?

      Vi um bocado daquilo do Linha da Frente... quem veja o programa, pensa que a blogosfera não passa de um mercado onde se publicam fotos e textos sobre roupas e criançada em troca de patrocínios e prendas, ou em que se escrevem bacoradas.
      Se os senhores da RTP fizerem algum trabalho jornalístico, podem descobrir que na bloguesEsfera também, sim também, há blogs onde se debate política (e se calhar mais a sério que na TV), cinema, literatura, ciência...

      Eliminar
    6. PID, acho que o ponto da reportagem era exactamente esse: mostrar que há outro lado nos blogues, um lado onde se factura, e muito, à custa de publicitar vidas pessoais. Mostrar que a blogoesfera não é só política, cinema, literatura, ciência...

      Eliminar
    7. É precisamente por saberem que dura pouco, que é uma questão de modas, logo um negócio a prazo, que elas se empenham tanto e atropelam tantos códigos, desde os deontológicos aos de vida pessoal, passando pelos do bom senso. Há que fazer render enquanto dá.

      Eliminar
    8. Eu gosto mesmo é de publicidade disfarçada de história/episódio do dia-a-dia. A última é a da publicidade a uma oficina de automóveis a que uma dessas bloguers teve de recorrer ao fim do dia de um domingo quando essa oficina, pela minha breve pesquisa, só abre ao domingo até a hora de almoço.
      A-do-rei!

      Eliminar
    9. Quem foi a mente iluminada?

      Eliminar
    10. A mais iluminada delas todas, não será difícil descobrir quem é. O post foi retirado do blogue, já só o apanhei no meu feedly e por isso estranhei e por isso fui pesquisar.

      Eliminar
    11. É pá, há tantas (iluminadas)!!

      Eliminar
    12. Só uma poderia cometer um erro destes!

      Eliminar
  10. Pipocante Irrelevante Delirante25 de setembro de 2016 às 14:00

    Duvido que façam 20K/mes a "escrever".
    COm os negócios que partem do escrever, aí sim...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Mais Doce é bem capaz de fazer. Dizem as más línguas que cobra entre 2500 a 5000 euros por cada post encomendado, do género "aconteceu-me ali tropeçar na marca X".
      A SMS e a Fernanda também devem ser muito bem pagas. Entre posts pagos, ofertas e publicidade no blog assinalada, devem fazer uns valentes trocos. E os Mercaditos rendem a valer. Faz-me um bocado de confusão que rendam tanto, as marcas têm de pagar para lá estar, pagam bem, vai daí que é muito frequente os artigos serem mais caros nestes mercaditos que cá fora. Mas haja saúde...

      Eliminar
    2. É impressão minha ou ainda não se ouviu falar de nenhum mercadito para este outono?

      Eliminar
    3. Tenho ideia de já ter lido qualquer coisa sobre isso. Acho que vai haver...

      Eliminar
    4. Vai haver sim, 26 ou 29 de outubro ou coisa que o valha. Já vi numa página de uma marca que sigo no facebook.

      Eliminar
    5. Mercaditos até há dois no mesmo dia.

      Eliminar
    6. A Fê já para aí há uma semana que começou a anunciar o próximo mercadito. Inclusive no blogue.

      Eliminar
  11. Há também o dinheiro das entradas dos mercaditos, que só reverteu para instituições privadas no inicio, agora está bem está!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alguém tem que pagar os luxos da senhora. E ela trabalha que se desunha, coitada, é uma moira de trabalho. Ele é de sol a sol.

      Eliminar
    2. Por acaso até deve trabalhar. Ou achará que as produções do blog e os mercaditos aparecem do nada?

      Eliminar
    3. Claro, mata-se a trabalhar, como já referi. Ou não percebeu?

      Eliminar
    4. Epá e a Midas? Não conhecem a Midas.... vejam lá que até o carro sabia que era precisso fazer referência à Midas e vai dai e avariou....

      Eliminar
    5. Ea Fernanda está deseperada por ganhar, é vê la pedir votos em tudo que é lugar e responder obrigada a quem votou. Raramente responde, mas para agradecer votos está empenhadissima!

      Eliminar
  12. Assunto do dia: contracepção.

    ResponderEliminar
  13. A ser verdade... O dinheirão que elas fazem com os blogues!
    Qual presidente da república ou médico.
    Penso também que as suas relações se alimentam do estilo de vida que o dinheiro lhes dá. Ai é tudo muito amor e felicidade, de bem com elas próprias, mas sem dinheiro

    ResponderEliminar
  14. Seria bom que parte destas bloggers assistisse ao filme "Gone Girl". Dá que pensar ao que estão a fazer em troca de uma exposição desenfreada de quem ainda não tem voto na matéria. Por vezes a ficção anda (quase?) de mãos dadas com a realidade. Que dirão as crianças "Cocó", "Caco", "Carlota" e afins daqui a uns anos?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Provavelmente nada. Crescendo habituados a achar essa exposição normal, não é improvável que não a estranhem em adultos.

      Eliminar
  15. Acho uma graça qd vêm falar da crise...
    Pergunta para queijinho, quem é a Fê e a Caco?

    ResponderEliminar
  16. Anónima, o seu comentário não tem nada de mais mas desculpe se não o publico, não me apetece dar azo a divagações sobre um não tema.
    (não verá qualquer alteração por aqui, estou muito tranquila...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que foi para mim...
      Ainda bem que não publicou (não esperava que o fizesse) mas gostava de ver os vossos galhardetes!!! A bloga também era isso :) vidas...
      (Não publique isto também :P )

      Eliminar
    2. (era para si, era...)
      Também tenho pena mas a vida é como é e ele há certos caminhos que me recuso a trilhar, não sairia dali nada de bom. O tempo o dirá, a ver...

      Eliminar
  17. Acho muito bem que sejam bem pagas, porque só isso justifica que escarrapachem a vida toda na internet. Quem de nós queria ficar lembrada por uma década como a insensível fútil que gozou fortemente com uma criança com cancro, por exemplo?

    ResponderEliminar
  18. Não podia deixar de lhe enviar, ainda que não aprove - http://amaeequesabeblog.blogspot.pt/2016/09/isto-e-um-privilegio.html

    Isto em termos de publicidade encapotada, é do mais rebuscado que já vi! Delicioso observar os pormenores que foram buscar, especialmente os que envolvem a filha, para fazer publicidade ao Jumbo. Tudo por uns trocos!
    E o blog até era bastante interessante e as autoras não aparentavam ser muito vendidas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Links de publicidade encapotada quando falamos de publicidade encapotada aprovo.

      Eliminar
  19. E a princesa? Já viram a bebé de 15 dias a fazer publicidade?
    A minha alma ficou parva.

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.