terça-feira, 20 de setembro de 2016

Se a coisa se torna hábito...

E se os Émes, as Cês, as Pês e Tês põem os olhos nisto , não sei o que vai ser da nossa bloga, é um instantinho enquanto se acaba todo um vocabulário extremamente interessante de tops, kits e pintas, lá vão os comentadores ter de pôr de lado os seus entusiasmados "que amooooorrr", nunca mais as coisas vão ser como são, é até capaz de as Dodot e a Bledina deixarem de ser comercializadas, que isto sem publicidade nos blogs não há cá vendas, o detergente para a máquina idem, as empresas abrem falência, uma série de gente despedida, enfim... um verdadeiro desassossego. E tudo isto porque houve uma santinha que cresceu e achou que os seus pais são uns verdadeiros imbecis por publicarem fotografias dela, em criança, na internet. Onde já se viu? Não poder usar os nossos filhos ao nosso gosto? Afinal qual é o mal de os fotografar, ainda que nus, para o mundo inteiro ver? Eles são tão belos, pois são?...

69 comentários:

  1. haverá ainda mercado para as pastilhas para as máquinas de lavas loiça, fraldas de adultos, medicamentos para a impotência! Espera! Os maridos e os pais também nos podem processar! Tenho umas fotos do meu filho que espero usar, um dia, para fazer chantagem com ele...Espero não ter que as colocar no FB, que a coisa se resolva na paz do lar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cuidado aí com a intensidade da chantagem, senão lá se vai uma promissora carreira de mamã Dolores.

      Eliminar
    2. Vou controlar a coisa, da melhor maneira! Já estou a ver-me de banhas de fora (que não há cá espinafres e rúcula que me valham a vida toda) ao largo de Ibiza!

      Eliminar
    3. Vestes um macacão em lycra e de padrão leopardo e ninguém saberá dizer o que é o padrão é o que é a casca de laranja.

      Eliminar
    4. Aahah! muito bom! esta imagem vai-me perseguir, tenho a certeza

      Eliminar
    5. Do filho ainda não usei, tem umas com totós muito giras, mas das enteadas, após uma sessão de maquilhagem quando elas tinham 4 e 5 anos, já foram usadas para chantagem...

      Eliminar
    6. ahahahahahahahah

      O pior é se eles se revoltam e usam as mesmas armas. Pequeno Picante tirou-me uma fotografia, estava eu a dormir, muito engraçada...

      Eliminar
    7. Pois, mas já estou naquela fase de "desde que não sejam nus, vamos lá se rir das figurinhas que eu faço".

      Eliminar
  2. E vinha aqui eu, partilhar isso. Gostei particularmente a parte onde o pai diz "as fotos são minhas e uso em meu bel prazer." Lamentável que chegue a este ponto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fotografias e filhos, tal como camisas e livros. Tudo coisas para usar a nosso bel-prazer, uma maravilha.

      Eliminar
  3. Tenho quase a certeza de que a miúda foi patrocinada por uma firma de advogados...

    ResponderEliminar
  4. Respostas
    1. ???? Carregou no link?

      Eliminar
    2. Quem? Uma ajuda...

      Eliminar
    3. Mas vocês lêem o que escrevo? Ou vêm só aqui pedir pistas?

      Eliminar
  5. Elas que se dediquem a pedinchar votos...e deixem as crianças brincar, em paz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Errr... Foi por terem (ab)usado das criancinhas que agora podem pedinchar votos, certo? Tivessem deixado as crianças brincar em paz agora não havia cá votos para ninguém, certo?

      Eliminar
    2. Então... a brincadeira favorita das crianças é tirar fotografias! Não me diga que não sabe que elas brincam às passagens de modelos?

      Eliminar
    3. Mas...mas...que tipo de mãe serei eu?! Meu rico filho adora tirar fotos e fazer videos, imagina-se como apresentador de televisão, de jornalista, ou finge ser um dos miúdos do youtube que faz demonstrações dos brinquedos... mas de certeza que me está a escapar um nicho de negócio. Com tantas horas de gravações e nenhuma é pública!! Vou já penitenciar-me.

      Eliminar
  6. Afundam as crianças em folhos e folhinhos, colares presos ao pescoço, poses perfeitas e roupas impecavelmente arranjadas. Na verdade, não as deixam ser crianças...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Giro giro era as crianças crescerem e exigirem às mães os dividendos do blog, das publicidades e afins que anos de exposição originaram.

      Eliminar
  7. Agora imaginem se a rapariga tivesse sido usada para fins publicitários ou para ser a protagonista de um blogue/reality show online. Aí é que a coisa pegava fogo.

    Realmente, não percebo como é que neste país ainda ninguém se pronunciou a sério sobre este assunto. Fala-se tanto das crianças e do uso excesivo da internet, do roubo de fotografias para publicação em sites de pedofilos, mas nunca se fala da invasão de privacidade a que, atualmente, as crianças estão sujeitas.

    Maria Inês

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A PSP já alertou várias vezes para os riscos e para esta questão. Ninguém faz publicidade a isso porque não interessa aos "chiques" e "tops" desta vida.

      Eliminar
    2. Depois do alerta da PSP elas ainda tiveram a lata de dizer que pedófilos já há antes da era internet e que as crianças assim até estão mais seguras porque são conhecidas das pessoas. Contra isto...

      Eliminar
    3. Quando perguntei a uma conhecida blogger o que a criança quando fosse adolescente acharia de a mãe ter publicado uma foto dela na sanita, a resposta dela foi: eu depois pergunto-lhe. Uma paravalhona. A mesma blogger que publica 500 fotos das filhas na praia, mas ficou escandalizada por haver um homem a tirar-lhes fotografias.

      Eliminar
    4. Picante, nenhum adjetivo é suficiente para classificar essa desculpa.

      Para além dessa atenção indesejada, o que mais me incomoda nos baby blogs é mesmo a exposição exagerada das crianças e ainda ganhar dinheiro à conta disso. Não sou radical ao ponto de recusar uma simples fotografia, desde que isso não ponha em causa a privacidade de cada um; o que me deixa estupefacta é ler coisas como a cor do cocó das crianças, ver vídeos dos meninos no banho, etc, etc, etc... Eu juro que li um texto em que uma mãe contava toda contente que a filha tinha entalado um brinquedo entre as nádegas.

      Se a minha mãe tivesse criado um diário/álbum de fotografias da minha infância na internet, eu creio que reagiria ainda pior que a rapariga da notícia.

      Mª Inês

      Eliminar
    5. São tão idiotas que acham que prantar a vida das crianças na internet, com as rotinas todas detalhadas, caramba nós sabemos onde vivem, em que colégios estudam, que actividades praticam e onde, como se chamam... Mas dizia eu que são tão idiotas que dizem que é igualzinho a um anúncio publicitário, onde aparece uma criança desconhecida da qual nada se sabe, nem a inicial do nome.

      Eliminar
    6. Tão igual, não é? Afinal em qualquer anúncio publicitário nós conseguimos saber onde estudam, onde vão, com quem vão, quem são os pais, o que eles fazem, onde vivem, etc... tudo igual.

      Eu acho muito "gira" a ideia que pedófilos já existiam antes... a lógica é "se eles existem eu vou-lhes facilitar a vida, vou dizer-lhes onde moram os meus filhos, onde estudam e espeto-lhes com fotos mais ou menos vestidas dos meus filhos para se deliciarem", certo? É por aí? É que não percebo a lógica de outra forma.

      Eu tenho um filho, a mim dá-me asco a ideia de que os pedófilos existem (sei que sim) mas jamais colocaria uma fotografia dele na internet na casa-de-banho ou semi-nu (já vi fotos na net de uma blogguer conhecida com as filhas em biquini e fato de banho). A sério que há necessidade de vender a imagem das filhas assim?!
      A sério que vamos facilitar a vida a qualquer maluco, não só pedófilo, mas por exemplo a um que fique obcecado pela familia: vamos dizer-lhes onde estudam os nossos filhos?!

      E isto não pode ser considerado um crime contra os menores?

      Eliminar
    7. De hoje em dia, há crianças que já são famosas antes de nascer; basta ver a publicação de fotos das ecografias, os posts sobre a gravidez, os vídeos do parto, as fotos do bebé acabado de nascer, e toda uma série de outros exageros.

      Se um adulto quer contar toda a sua vida a meio mundo, mesmo não concordando com isso, tudo bem, é uma decisão sua, sobre a sua própria vida. Só não vejo com bons olhos quando se decide tornar pública a existência de quem depende de nós e que, sobretudo, não tem capacidade para decidir se quer aparecer ou não.

      Eliminar
  8. A princesa que se ponha a jeito! Que quisesse mostrar o quão está apaixonada pela filha é uma coisa. Mostraria uma foto discreta após o parto e pronto. Agora, a coisa já ultrapassa o domínio do razoável, muito honestamente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amén!

      E o insta do marido? Antes era só fotos dela... agora é dela e da princesinha. Que enjoo!

      Eliminar
    2. Eu pensava que uma mãe de terceira viagem já tinha percebido que os nossos filhos só são realmente importantes para nós e para os próximos de nós, mas pelos vistos não, ela ainda acha que toda a gente deve bajular as suas crias. Se calhar aquilo da realeza subiu-lhe à cabeça.

      Eliminar
    3. No tempo do primeiro filho
      só se via fotos de pés.
      ela inverteu tudo

      Eliminar
    4. Sou só eu que acho que aquele mel todo é estranho? E não é inveja, que eu já tive um namorado assim: sempre com declarações de amor, a querer estar colado a mim 24h/dia, quando não estava comigo enviava sms e telefonava constantemente, e eu só conseguia pensar que aquilo não era normal!

      Eliminar
    5. É estranho, sim, ainda para mais ele não é propriamente um adolescente. Deve andar perto dos quarenta. Bem, ela também não é adolescente, mas digamos que já vi adolescentes a terem atitudes bem mais sensatas. Então mostrar a filha a toda a hora e colocar só as iniciais dos filhos... Tem algum cabimento??

      Eliminar
    6. Ele já é quarentão, que eu lembro-me da festa de anos dele com balões a dizer a idade. E depois é isto, eles postam TUDO na net. Isto também não me parece normal! Mas eu nasci no seculo errado que apesar de estar no inicio dos 30, e de já ter crescido com o boom da net, não consigo conceber a ideia de ter a minha vida toda espalhada aos sete ventos.

      Eliminar
    7. A princesa discreta? Já foi discreta sim, quando aquilo era autêntico, agora? Agora é tudo show, os inúmeros vídeos que ela faz no insta, tipo como é que alguém com marido, casa, 3 filhos em que um deles é um recém nascido tem tanto tempo para olhem agora as minhas pestanas, olhem agora as minhas mamas ( nesta é favor repetir 30x ), olhem agora o meu bebe a dormir ( e nesta é favor repetir 50x ), a senhora em vez das papas devia era dar workshops de como gerir tempo porque a ela não lhe falta! Enjoo enjoo enjoo, para tanta fantasia!

      Eliminar
  9. Pipocante Irrelevante Delirante20 de setembro de 2016 às 10:22

    /* eles gostam */

    /* os filhos são meus, eu é que sei */

    /* não há mal ou perigo algum */

    ResponderEliminar
  10. Picante, fala la das nomeações de blogs do ano e por favor, alguém que disserte como é que um blog onde tudo é fraco, fraco, fraco, pobre, pobre, pobre (escrita, originalidade, fotografias) fraco e pobre vezes quatro, está ali e tem subido subido subido. Pode ser uma pessoa excelente, mas nao entendo porque é tudo tão fraco, mas tão fraco. Já não falo de outros porque este é gritante o suficiente mas tem passado entre a chuva às críticas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Calma que a mãe já vai.
      (fiz ontem o post mas agendei-o para amanhã...)

      Eliminar
    2. Só podem estar a falar do "às nove"

      Eliminar
    3. Do às nove e de tantos outros, incluindo o da Frederica, que nem é escrito pela dona do blog.

      Eliminar
    4. estava a falar de um pareado, mas pronto...

      Eliminar
  11. A publicidade não assinalada é ilegal, em qualquer plataforma, digital incluída. Há gente a viver há anos de ilegalidade. A internet é uma terra sem lei, vale tudo, não há qualquer esperança.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. País de chico-espertos, é o que é. Estas são uns políticos em ponto pequeno, aldrabonas que só elas.

      Eliminar
  12. Mas, entäo ,a Picante näo foi nomeada em nenhuma categoria ??!! O único Blog que ainda me dá algum gozo ler...Onde posso reclamar ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece que as pessoas tinham de se inscrever, só soube do concurso depois dele ter fechado inscrições. Acho indecente. Extremamente indecente.

      Eliminar
    2. Atendendo aos nomeados, acho que a Picante não ter sido nomeada é já uma distinção.

      Eliminar
    3. Tinham?
      todas parecem surpreendidas pela nomeação

      Eliminar
    4. ahahahahahah
      Estão lá um ou dois bons blogs, que injustiça!

      Eliminar
  13. Publicidade a quanto obrigas. A princesa está tão confusa com as hormonas que faz um post a falar sobre seguros de vida e diz que "uma filha quase cá fora"...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Seguros de vida com links para fraldas. Acho que está piruças de todo.

      Eliminar
  14. Por acaso tenho pensado nisto várias vezes.
    Como irão ser estas crianças?
    Ficarão zangadas com tanta exposição, ou vão aproveitar e ser umas 'socialites' à conta dos blogs?

    Paula

    Vida de Mulher aos 40"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu gostaria mesmo de saber é como irão as maezinhas dizer-lhes que não se devem expor, que não tirem fotografias mais intimas e as enviem aos amigos e outras coisas que tais.

      Eliminar
    2. E será que lhes vão dizer isso ou sequer pensar nisso? Quer dizer, se publicamente expõe quase tudo, principalmente dos filhos, se calhar não acham mal que se tirem fotografias intimas e se partilhem com tudo e todos. (*desde que seja patrocinado se calhar não há problema*)

      Eliminar
  15. Não consigo entender esta necessidade generalizada de exposição. Porquê e para quê, pergunto-me. Já me apelidaram de antiquada, info-excluída e afins tudo porque me recuso a ter contas em redes sociais. São manias cá minhas, não quero nada meu na net, muito menos dos meus filhos. Tive uma zanga séria recentemente quando publicaram uma fotografia da minha filha recém nascida (linda de morrer como é evidente, para mim) num facebook. Alguns, como os bloggers, fazem-no por dinheiro... ainda que não concorde entendo a motivação. Quanto aos outros, não entendo mesmo.
    Mas isso sou eu que nasci no século passado...

    ResponderEliminar
  16. A SMS seria das primeiras a rebentar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todas. Nesse particular os baby blogs são todos iguais.

      Eliminar
  17. se fosse bombeiro num mundo de pirómanos diria "é deixar arder"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas e depois? Vamos ter de deixar de sorrir enquanto pensamos, cá para os nossos botões, que ele há crianças muito desengraçadinhas, que não deixa de ser bizarro uma mãe fotografar as cuecas da filha e que são estranhissimos os comentários de "que queriiidaaaa", quando a miúda está de costas e só se lhe vê o rabo. E depois?

      Eliminar
  18. Exigem-se tácticas de guerrilha para a geração futura.
    O teu pai e a tua mãe trataram-te como uma peça promocional, estilo cão de shows caninos? Então há que apanhá-los quando menos esperam, nos cantos menos cor de rosa da sua vida, nas idas ao WC, no after da ressaca ou, pura simplesmente, a serem aquilo que são quando não estão a fingir que são aquilo que gostariam de ser.
    Qualquer criança que se preza, sabe manusear telemóveis e tablets desde tenra idade, é só criar material para chantagear os pais. A sobrevivência no mundo dos blogs é difícil e a concorrência, a par de uma qualquer versão de TMZ da Reboleira que por aí exista.

    É sinal de carácter, evolução e educação comme il faut? Não. Mas se o fruto não cair longe da árvore será pelo menos sinal de uma retribuição adequada. Foto por foto, dente por dente.

    ResponderEliminar
  19. Ahhh! Eu sabia que a picante ia fazer um post disto quando enviei o link. Pensei exactamente na mesma coisa quando vi a notícia. Acho ridículo a exposição tal qual carne no talho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu só publiquei o comentário depois, senão ia dar-me cabo do post. Tinha visto a notícia no dia anterior e fiz o post que entretanto reagendei que isto a bloga não pára...

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.