sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Quereis dicas para engravidar? A Picante ajuda

Tiram a roupa. Arranjam uma posição que seja do agrado de ambos. O homem insere o pénis na vagina da mulher (sim, tem de ser homem e mulher, não há cá nada para as minorias, temos pena). Deixam  a natureza seguir o seu curso.

Dica importante 1: não usam preservativo
Dica importante 2: não tomam pílula
Dica importante 3: não usam DIU
Dica importante 4: convém que a mulher esteja no seu período fértil
Dica importante 5: digam ao tipo que enfiar os testículos num campo radioactivo é capaz de ser má ideia
Dica importante 6: se ao fim de uns seis meses não acontecer o milagre da vida vão ao médico. Um daqueles a sério, que tirou medicina no Campo Santana ou assim. Nada de terapias da banha da cobra.

De nada.

61 comentários:

  1. Pipocante Irrelevante Delirante27 de novembro de 2015 às 10:07

    Existem certas incorrecções nessa descrição

    "Tiram a roupa."
    Não é condição essencial

    " Arranjam uma posição que seja do agrado de ambos."
    Certos estudos, empíricos ou não, defendem que certas posições aumentam a probabilidade de fecundação. Por isso, a bem do objectivo final, esta condição do agrado pode ser colocada em segundo plano em relação à eficácia

    "O homem insere o pénis na vagina da mulher"
    Dizem que também funciona se for a mulher a inserir o dito na sua dita. Não é ondição si ne qua non.

    "Deixam a natureza seguir o seu curso."
    Certo... até porque há comprovação histórica de que algumas mulheres conseguiam engravidar mesmo sem recorrer a ginástica, sumos ou suplementos.

    ResponderEliminar
  2. Esqueceste o principal: depois do coito mete uma almofada debaixo do rabo e permanece com as pernas para cima o tempo que conseguires. Há zóides que escorregam para baixo e depois para os meteres outra vez para cima é uam carga de trabalhos.
    Ahhhhhhhhhhh e não te leves logo de seguida, que se o útero apanhar sabão, ou mesmo as trompas de falópio, podem os zóides escorregar e partir alguma perna.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso dos pés para cima é um mito não é?

      Eliminar
    2. Acho que não, porque vede: o cavaco pediu aumento de natalidade não foi? Foi. E o que fez para ajudar? Meteu tudo de pernas para o ar.

      Eliminar
    3. Uva passa, obrigada pela gargalhada :D

      Eliminar
    4. Deixou? Porquê? Por ter usado dos poderes que lhe são constitucionalmente dados?

      Eliminar
    5. Picante, não ligue. Para algumas pessoas, a Constituição só pode ser invocada para justificar o assalto ao poder feito por candidatos a PM que perdem eleições.

      Eliminar
    6. Nunca vi tamanho desrespeito para com a figura PR como nos últimos dias, por parte da esquerda (e obviamente que não me refiro à graça da Uva).
      Choques entre AR e PR sempre houve, tamanha falta de educação é que não.

      Eliminar
    7. Mais ou menos como a Picante tem feito com as Rosinhas e as Gracinhas?

      Eliminar
  3. Agora fiquei mesmo perdida... (e não foi quanto a como fazer bebés) Uma pistinha?

    ResponderEliminar
  4. Digam-me que isto não é inspirado num qualquer blog das Rosinhas (não estou com paciência para ir procurar...).
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fui ver. Ainda estou meia incrédula.
      Mais incrédula fico com D. Joaquinas que leram no texto da cara Picante uma afronta aos casais homossexuais, ou como um desrespeito com casais que têm problemas de fertilidade.
      Ana

      "Imagine que um dia a homossexualidade lhe bate a porta! O que fará? " A sério, mesmo a sério??

      Eliminar
    2. Ainda por cima a resposta é óbvia. Se um dia a homossexualidade me bater à porta agarro-me a uma gaja, ora essa.
      Mas tem de ser gira. Nada de mulheres homem.

      Eliminar
    3. Concordo consigo.
      A ser que seja com uma daquelas boas, mas mesmo boas. Gira e boa como um helicóptero
      .
      Ana

      Eliminar
  5. Arranjou nova musa inspiradora?

    ResponderEliminar
  6. Respostas
    1. ahahahahahahah

      (sempre a surpreender-vos, eu...)

      Eliminar
    2. Naquele blog que tem nome de saia curta...

      Eliminar
    3. Obrigadinha anónimo, obrigadinha! :D
      Quando os blogs começam a falar de migração de esperma, a coisa está pelas ruas da amargura!!

      Eliminar
  7. Comentário triste!
    Não se esqueça que há muito boa gente que embora conheço os passinhos todos, não consegue! E sabe porquê? Porque tem problemas de saúde!
    Se umas podem qual é o problema de todas poderem?
    Sabia que os 'não-heterossexuais' são filhos de pais heterossexuais?
    Você está a criar filhos. Imagine que um dia a homossexualidade lhe bate a porta! O que fará?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que tem a ver este post com homossexualidade? Será capaz de me dizer?
      E onde é que isto ofende ou destrata quem tem problemas de fertilidade? Eu até aconselho um médico à séria e não um terapeuta qualquer...
      Isso é vontade de dizer mal, não é?

      Eliminar
    2. Pipocante Irrelevante Delirante27 de novembro de 2015 às 14:44

      Chegue-se cá anonima.
      Isso, sente-se aí.
      Confortável?

      Esta maravilhosa dissertação é referente à fecundação através de métodos naturais, sem recurso a procriação medicamente assistida.
      Nesse caso em particular, é condição suficiente exisitirem, no mínimo, uma mulher e um homem. É verdade, existem algumas imprecisões, pode ser uma mulher e 10 homens, ou um homem e 10 mulheres, mas dificilmente uma mulher engravida de modo natural envolvendo-se em relações íntimas com outro membro do mesmo sexo.
      Isto não implica que um(a) homossexual não possa ser papá ou mamã recorrendo ao modo natural, não existe legislação impeditiva. Mas lá está, têm de praticar o coito com membro do sexo oposto, não pode ser de outro modo.
      O seu segundo parágrafo, que li com imenso agrado (vá, não se levante), pode ser considerado como coberto ao abrigo da alínea (também reconhecida como dica) seis do documento supracitado.
      Ide agora, espalhar a boa nova entre as bloggers.
      Inté

      Eliminar
    3. Realmente, não há nada no post da Picante que atire nada contra os não-hetero (que, por incompatibilidade fisiológica não podem procriar à moda antiga) nem as pessoas com problemas de fertilidade (tanto é que sugere que usem de serviços médicos oficiais e não charla... especialistas holísticos ou lá o que é, esses da banha da cobra).
      Se calhar o anónimo sentiu-se atingido, mas, creio que foram os seus olhos.

      Eliminar
    4. Pipocante Irrelevante Delirante27 de novembro de 2015 às 15:19

      "condição suficiente" deveria ser "condição obrigatória"

      Eliminar
    5. "Imagine que um dia a homossexualidade lhe bate a porta! O que fará?" o que eu me ri com esta frase :)

      Eliminar
    6. Atrasada mas cheguei!
      Fui eu quem escreveu o primeiro post (27 de novembro de 2015 às 11:49).
      O seu comentário coincidiu com o da discussão do acesso à PMA por casais do mesmo sexo (sim, esses que batem à porta das pessoas). Como não tenho por hábito ler os outros blogs não percebi que se estava a referir a um deles (embora devesse ter pensado nisso), daí ter feito a interpretação que fiz!
      No entanto o meu comentário deu para entender algumas coisas:
      1.º - também existem as defensores da 'mais picante'! Embora acredite piamente que ela não precisa deles, é bonito de se ver!
      2.º - Claúdia Sofia continue a rir! Quando ouvir a campainha tente fazê-lo discretamente! É má educação rirmos na cara das pessoas (a não ser que a mesma tenha dito uma piada e aí deve até rir)...
      ---
      NOTA aos curiosos: não, não me senti atingida! senti-me triste (de acordo com o meu entendimento do post)!

      Eliminar
  8. Se os casais hetero tem acesso a PMA, porque não as lésbicas, ou as solteiras?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto não tem nada a ver com homossexualidade.
      (e não me apetece entrar por esse tema, ia dar discussão e não tenho tempo)

      Eliminar
    2. The Empress eu por acaso concordo consigo só que creio que o post em si nada tem a ver com isso mas sim no facto de alguém querer publicitar um produto para ajudar a conceber mais facilmente. Ora dificilmente isso irá acontecer.

      O produto em si é bom (supostamente) porque ao contrário de outros lubrificantes não contém espermicida ;) mas em casais que não usem nada para lubrificar certamente que não será com aquilo que vão fazer meninos...

      Eliminar
    3. Casais em idade fértil que necessitam de lubrificante artificial já me parece algo surreal ou a necessitar de substituições (de parceiro, de leituras, de modos operandi, and so on)

      Eliminar
    4. Pensei que estava ligado à questão da PMA, na AR.

      Eliminar
    5. Eu preciso. Sempre precisei.
      É algo genético pelo que não posso mudar exceptuando pelo uso de medicação ou de lubrificantes...e eu prefiro usar lubrificante.
      Já agora, tenho 26 anos, iniciei a minha vida sexual aos 18 anos... suponho que esteja inserida na categoria " idade fértil" e como estou a ponderar engravidar estou também a pensar usar "este" lubrificante em questão (o da publicidade). Mas não é com o objectivo de engravidar graças a ele mas sim não tornar a minha gravidez mais dificil somente por usar lubrificante com espermicida.
      E estou a pensar usar este porque desconheço outro que faça o mesmo e porque me foi recomendado por um profissional de saúde [e não por uma blogger].

      Mas duvido seriamente que ajude seja quem for a engravidar, simplesmente não prejudica a concepção (por aquilo que me têm dito). Quem não conseguir engravidar após mais um ano de tentativas deve procurar o seu médico para ser seguido para consultas de infertilidade (ou ir directamente para um caso tenha possibilidades).
      Mas sinceramente, aconselharia todas as mulheres a irem a um médico de familia ou a um ginecologista antes de tentar engravidar para perceber como estão de saúde (se estão imunes à toxoplasmose, ao citomegalovirus, etc) , começarem a tomar algumas precauções e tirar todas as dúvidas que tenham. Afinal não deve ser pelos blogs que vão conseguir informações imparciais e rigorosas...

      Eliminar
  9. Eh pá, não sei! Nos EUA há muita gente que diz que engravidou sem cópular (é verdade, não é preciso haver cópula para se ficar grávida!)
    E depois, bom, depois há Maria, e tu já devias saber isso. :P

    ResponderEliminar
  10. WHAT???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????

    ResponderEliminar
  11. Bem, parece que pimenta no c* dos outros é refresco...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónima, a Picante não está a desdenhar de quem tem dificuldades em conceber!! Está sim a satirizar um post noutro blog com dicas estilo "banha de cobra/charlatanice" para conceber! Apenas está a dizer que se alguém quiser conceber tem de
      1- ter relacoes sexuais desprotegidas
      2- ir a um médico qualificado.

      Se existe post que de alguma forma ofenda quem tem dificuldades em conceber será certamente o outro post, e não o da picante. Quando o li, eu própria senti que aquilo era quase gozar com quem quer conceber e não consegue, como se mezinhas caseiras fossem resolver problemas médicos!!

      Eliminar
  12. Hum... hoje não chego lá... ou é de ser sexta, ou é de estar frio de manhã e calor agora... a verdade é que não consigo...

    ResponderEliminar
  13. E fazer disso passatempo? A mulher não anda boa

    ResponderEliminar
  14. Isto realmente... parece que sim, que tudo dá dinheiro nos blogues, até banha da co... ai desculpem lubrificantes milagrosos.

    ResponderEliminar
  15. Já percebi qual o blog inspirador. O que nunca percebi é a popularidade do mesmo. Aquilo sempre foi tão mas tão brega que não se entende. E daí...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está a imaginar se a dentuça do Maurício de Sousa encontra o bicho da Malcata e lhe arranja o "n"?

      Eliminar
  16. Mas alguém acredita que ela recebe realmente mails de pessoas que querem engravidar e lhe escrevem a pedir dicas? Elas não podiam ao menos compor os posts de uma forma mais credível?

    ResponderEliminar
  17. Help! Não percebo de quem é o blogs.

    ResponderEliminar
  18. Pipocante Irrelevante Delirante27 de novembro de 2015 às 19:09

    Quer dizer... Não basta meter, ha que consumar. Os então não funciona... Certo?

    ResponderEliminar
  19. É certo que devem ir a um médico, mas olhe q por vezes de nada serve, pq a resposta é "fisicamente, n há nada de errado. Nenhum dos dois tem qq problema". Não falo por experiência pp, mas acompanho um caso bem de perto... (e sim tb já envolveu tratamentos de fertilidade que até à data...rien).
    Mas n estou com isto a defender a referida publicidade (até pq a minha opinião sobre essas coisas...bem vou parar por aqui)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando não há nenhum problema, normalmente é ansiedade. É acalmar que a coisa acontece.

      Eliminar
    2. Nem mais. Por isso é que há tantos casos de casais que engravidam "do ar" quando desistem de tentar... alguns até engravidam durante o tempo de espera para os tratamentos (porque relaxaram), outros depois de desistir porque deixam a ansiedade de lado.

      Eliminar
  20. ahahah esta eu apanhei! Também achei o post desse blog muito mauzinho hihihihi :D

    ResponderEliminar
  21. Aha!
    É o blog cuja autora tem um apelido que parece "lêndias" em inglês.

    ResponderEliminar
  22. Ah ah ah ah ah, o que eu agora me ri! Quando li o post inspirador pensei: WTF???? Pois, não fui a única! Qual aconselhamento médico qual quê....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Utilizar o desespero de terceiros por um filho para vender banha de cobra é feio, muito feio...

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.