segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Nos blogs é igual

Conheço um tipo filiado num partido político, que tem uma forte intervenção na comunidade onde se insere. O tipo dizia-me, recentemente, que as pessoas estão constantemente a ser desagradáveis para ele, que não percebe, que só quer é paz e sossego, que o deixem lá com as coisinhas dele, tudo intervenções muito válidas em prol da comunidade. Sorri enquanto lhe dizia que o melhor é não ligar e despedi-me dele. 
Abstive-me de lhe dizer que se as pessoas lhe mandavam bocas, como ele se queixava, era porque ele estava constantemente aos pulinhos a gritar "aqui, estou aqui, aqui, aqui...", enquanto dava uma alfinetada com a mão direita e uma cotovelada com esquerda, tudo acidentalmente, claro.
Nos blogs é igual. Nós sabemos que vocês estão aí. Acontece é que nos estamos completamente nas tintas para esse facto, será escusado passar a vida a dizer que sois umas incompreendidas, perseguidas e não sei quê. Sabemos que estão aí. We just don't give a damn. Deal with it.

12 comentários:

  1. Como assim, "we don't give a damn", se todo este blog é dedicado a esses blogs sobre os quais dizes não querer saber? Fiquei confusa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho sempre pena quando as pessoas não percebem o que lêem. Já lá vão os tempos em que achava que o problema poderia também estar no emissor. Não está.

      Eliminar
    2. O anónimo tem toda a razão, a Picante nem se manca.

      Eliminar
    3. Confusa fico em que se faça uma entrevista a alguém que afinal já se tem a opinião de que é uma "perseguidora e parasita disto dos blogs" . Uma mente assim é que precisa de tratamento.

      Eliminar
    4. Aleluia que finalmente alguém toca no cerne da questão!
      É que é uma grande curiosidade que tenho. Como se alega que não se quer dar visibilidade, até que a certa altura se retirou da barra lateral para não alimentar ou compactuar ou lá que era, e depois se convida para uma entrevista toda gentil.
      Sim, porque a entrevista foi educada e gentil, e as perguntas nem chegaram a ser pertinentes, quanto mais impertinentes. A pintura borrou-se depois, na caixa de comentários.
      Não acho nada normal, julgo que ninguém, a não ser talvez alguém com muita sede de polémica, faria isto.

      Eliminar
  2. «Nós sabemos que vocês estão aí»

    Mas, "nós" quem?!

    ResponderEliminar
  3. Livra, tão verdade.
    E não se calam opiniões sobre tudo e não há nada que os demova...

    ResponderEliminar
  4. Há pessoas que não se mancam, essa de quem fala é uma delas.Infelizmente, para ela, vai continuar a fazer figuras tristes, fuçando qual tó na lama que a própria criou mas achando-se uma vitima.Medo de gente assim, penso sempre que é desta casta que se fazem os psicopatas, ahahahah.

    ResponderEliminar
  5. Que tipa monga, a sério.
    Que putice baixa. Já reparei que não é a primeira vez que responde acabronada sem publicar o comentário. Mas deixe lá... Fica a fazer figura de reca a focinhar no próprio lodo.
    A sério, não se dê ao trabalho.

    Beijinho, Picante.

    ML

    ResponderEliminar
  6. Ai picante, e para quando um post a falar dos seus irrelevantes hábitos alimentares?
    Come enchidos? E presunto? E bebe leite, essa coisa hedionda que faz taoooooo mal? (aos intolerantes à lactose fará, ao resto do mundo só faz bem, mas enfim... Tansa que só ela.)

    ML

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.