sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Se me tivessem apetecido blogs nas férias #5

Tive uma tia, paz à sua alma, que era assim para o avantajado, digamos*. Nunca percebeu que a fórmula "comer que nem uma enfardadeira e terminar com um iogurte, que era para emagrecer", dizia ela, não funcionava. Por variadíssimas vezes lhe disse que tinha de comer o iogurte em vez dos pasteis de bacalhau.

*não se pode usar a palavra gorda nos blogs, verdade?

39 comentários:

  1. AIIII escreve lá bem. Não percebi nada. "Tive um tia...avantajado....dizia ela".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo, criticar só por criticar é feio... Vá lá ter umas lições de gramática e volte mais esclarecido, de preferência!

      Eliminar
    2. Se o anónimo não percebe é mesmo problema seu.

      Eliminar
  2. Se for Às 9 ainda vá...anula tudo, principalmente se for de mirtilos e tiver muitas sementes misturadas melhor ainda!

    Só há uma coisa que me encanita, as pessoas fazem tudo bem ( só comeriam peixe se fosse preciso, só adoram carnes brancas, bebem litradas de água, comem sopa a todas as refeições and so on...dava uma lista para aí de 10 coisas) e continuam... avantajadas...vá! será das tortas Dan Cake de chocolate ao pequeno almoço?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sempre ouvi dizer que é ao pequeno almoço que devem ser ingeridos os doces (Se não lhes conseguirmos mesmo resistir). À medida que o dia avança o metabolismo torna-se mais lento. Daí que o jantar deva ser leve.

      Eliminar
    2. Anónimo(a),
      Pode parecer-lhe estranho, mas há casos em que as pessoas não conseguem perder peso por questões de saúde ou por estarem a fazer tratamentos médicos.
      Não faço a mínima ideia se é o caso da pessoa a quem se refere ironicamente, porque pelo blog não se adivinha a vida inteira das pessoas.

      Eliminar
    3. Pipocante Irrelevante Delirante14 de agosto de 2015 às 16:07

      Está errada Cristina.
      Basta percorrer blogs de referência para perceber que é tudo uma questão de força de vontade, organização e perseverança. Quem pensa assim são aqueles que ficam alapados no sofá a comer fritos. E mesmo que precise de uma ajuda extra, há imensa literatura motivacional, e que ensina a comer, dormir, fazer exercício. Só não é magro e saudável quem não quer.

      Eliminar
    4. Não me parece nada estranho os casos "fazem tudo bem" e não emagrecem por questões de saúde...Mas a formula é matemática e nunca vi ninguém gordo por comer pouco, regrado e saudável. Vi pessoas inchadas por exemplo por ação de corticoides ou pessoas com maior dificuldade em emagrecer com uma dieta chapa 10 por outras doenças crónicas.
      Tal como a Picante, também eu tive uma empregada doméstica que comia 4 iogurtes ao lanche porque ...eram de dieta ( isto é completamente verídico) e isto mostra a ignorância da maior parte das pessoas em relação ao que é um "regime" (odeio a palavra dieta e a sua conotação negativa) muito por ação dos media com a publicidade enganosa que fazem a este tipo de alimentos, em que salientam o lado supostamente benéfico sem ressalvarem o facto de ele ser benéfico só num contexto muito especifico.
      Claro que ter uma blogger gorda ( não tenham medo de o dizer, é apenas o antónimo de magra) a publicita-lo no seu blog, onde diz que faz tudo bem ( segundo as instruções de uma nutricionista da moda) mas que depois serve doce para o pão e tortas de chocolate processadas...me faz torcer o nariz
      E para terminar, sim, a ingestão de calorias por refeição está invertida na nossa sociedade, já dizia um excelente endócrinologista que conheço que o pequeno-almoço deve ser de rainha ( ainda que não me pareça que entrem tortas Dan Cake nesta realeza, mas entram ovos estrelados, pasme-se), o almoço de princesa e o jantar de pobre...

      Eliminar
    5. Pipocante, fiquei a pensar se a sua resposta foi irónica ou não...

      Se fosse assim tão simples ser magro e saudável, se bastasse ler "blogs de referência" e livros motivacionais, não haveria tanta gente obesa.

      A questão é muito mais complicada, infelizmente.

      Por exemplo, as mulheres que fazem tratamentos de fertilidade, engordam muito pelas injeções que levam e esses tratamentos duram muito tempo. E, pasme-se, algumas até não ficam alapadas no sofá a comer fritos.

      Já agora, deixe-me dizer-lhe que detesto leitura motivacional. Mas adoro exercício físico. :-)

      Eliminar
  3. Ora bem... hoje é 'enfardadeiras', vamos lá procurar (se bem que há uma Rosinha óbvia)...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ui. Boa sorte.
      (nem tudo na vida se encontra no Google, isto é mesmo verídico)

      Eliminar
  4. Não interessa a nomenclatura, mau mesmo é gozar com a forma física das pessoas. E sim, há quem tenha cuidado e não emagreça, pelo menos não ao ponto do que a sociedade considera "magro".

    Todos nós conhecemos quem coma desalmadamente e esteja sempre magra (eu sou dessas sortudas, daí as minhas ultimas análises terem sido catastróficas e agora estar em dieta para baixar os *?#&" dos triglicerídeos) por isso acredito mesmo que também há o oposto.

    A Picante consegue fazer melhor do que gozar com este tipo de assuntos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta história é verdadeira. A minha tia não tinha qualquer problema de saúde e acreditava piamente nisto, que o iogurte anulava os pasteis de bacalhau e croquetes que comia desalmadamente.
      Nem se trata de gozar a firma física, mais tarde acabou por ter problemas de coração, mas sim da pobre cabeça que esta tia tinha.

      Eliminar
    2. Mas eram croquetes do Tavares, não eram? Então está tudo bem.

      (Os croquetes do Tavares dão problemas de coração? Pensei que fossem milagrosos...)

      Eliminar
    3. Pipocante Irrelevante Delirante14 de agosto de 2015 às 16:08

      Mau mesmo é insinuar que pessoas acima do peso normal (normal??) ou com gorduras localizadas deviam pensar duas vezes antes de mostrarem o corpo na praia.

      Eliminar
    4. Se calhar o problema é meu, mas eu interpretei este post como uma alfinetada a um certo blog com hora certa. Daí o meu comentário

      Eliminar
    5. Quem é que insinuou isso?

      (não posso escrever nada Anónimo, andam sempre à procura de segundos e terceiros sentidos, força do hábito...)

      Eliminar
    6. "Se me tivessem apetecido blogs nas férias #5" eu teria, naturalmente, escrito sobre a minha tia.

      Eliminar
    7. P, não sabe quem insinuou que as gorduras pouco agradáveis à vista, deveriam ficar tapadas com uma burka? Pronto, tb não foi assim, mas foi a dearest mummy de 3C's, lindas e airosas (e obviamente magras)

      Eliminar
  5. Na faculdade tinha uma colega que acompanhava sempre o café, adoçado, pois está claro, com um pastel de nata. No fim fumava um cigarro para "queimar o doce".

    ResponderEliminar
  6. No meu caso, só posso cometer as "asneiras" a meio do dia, de manhã não posso comer como uma rainha. É claro que só o descobri depois de exames médicos. Mas também me regrava por essa máxima de de comer "bem" ao pequeno-almoço.
    No caso do blog da "hora marcada":Apregoa constantemente "vida saudável" (que é um termo muito abrangente) e depois o que mostra nas fotografias são o que considero guloseimas.
    Mas ali ainda há seguidoras? É que eu no início até achava as palavras encorajadoras, mas depois dou comigo a ver que são tudo clichés e que é só um copy paste de banalidades de pinterest, tumblrs e outros blogs "inspiracionais". Banalidades! E faz-se um negócio tendo isso como base?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não passa de um bl9g que ajuda a pôr mesas bonitas. Para quem tem tempo, claro! Qualquer dia sai um livro, vão ver :)

      Eliminar
    2. Pipocante Irrelevante Delirante15 de agosto de 2015 às 00:26

      Daqueles para o pessoal colorir?

      Eliminar
    3. É pá! É TÃO enjoativa essa cena do life coaching!! Autênticos vendedores da banha da cobra, os verdadeiros bull shiteiros! Como é que há gente com pachorra para levar com tantos 'ensinamentos' de como deve levar a vida?

      Eliminar
  7. Eu sou gorda. Sou gulosa e de momento nao posso fazer qualquer exercicio que seja, logo, ganho peso e dificilmente o perco, mas, tenho as minha analises dentro dos parametros saudaveis, melhores, muito melhores, que muitos magros. Nem todos nasceram para serem magros e nem todos querem viver uma vida numa eterna ditadura de regime/dieta. Mas, nao venham com a treta de dizerem que nao comem nada, quando todos vemos que
    estao gordos (ou obesos)! Quem quer ser magro, tem de fechar a boca! (Nao, comer que nem um alarve e depois ir correr 15km nao faz parte de uma vida saudavel, nao se iludam.)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sua aterosclerose deve estar bonita.

      Eliminar
  8. Já eu quando digo que só me falta perder 5 kg para ficar óptima, já que as minhas análises são perfeitas, ninguém me acredita. E ainda me dizem: mas assim não ficas magra.

    A sério? E o que é que isso me interessa? Com 5 kg a menos fico com IMC normal, com 1 kg de espaço de manobra, e como as análises estavam óptimas tanto com 8 a mais ou com 5, se calhar não preciso de me preocupar muito. E se o facto de não ser "magra" "magra" não me afecta em nada.

    ResponderEliminar
  9. ahahah Acho que me identifico com a tua tia!

    ResponderEliminar
  10. Muito bom. Mesmo. Não percebo é como é que ainda há gente que acha mal o que aqui se constata. Oh pá, se querem ser cegas que continuem a seguir os blogs de vidas de conto de fadas e continuem iludidas com o que lá veem. Sim, porque é difícil perceber que é tudo fachada. Por favor!!!

    Alex

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na infância são os livros das princesas, em adultos são os blogs. Na terceira idade... Pois, para esta questão é perguntar ao que já leva 70 anos disto.

      Eliminar
    2. Concordo até enjoa a vidinha cor de rosa dessas chiquezas que vivem à custa dos maridos e dos pais! Passam a vida a fazer pequenos almoços bonitos e tiram foto para mostrar! Tiram fotos com os filhos metem Photoshop para disfarçar as pencas e passam assim o dia! Quem realmente trabalha não tem tempo nem para comer quanto mais para tirar foto! Dondocas!!!

      Eliminar
  11. Fui à procura da torta e não vi nada. Fiquei foi cheia de fome com estes comentários. Croquetes, pastéis de nata, iogurtes, tortas... qualquer coisa.

    ResponderEliminar
  12. Ó Picante... gorducha, gordinha, fofinha... vá, ainda se aceita e é muito utilizado pelas blogo super mamãs boho chic (claro que somente quando falam das crias, mas isso agora não interessa nada). Agora GORDA!!!
    Até fiquei melindrada, pá! Tou aqui que nem sei, eu então que tenho carnes a sobrar à minha roupa!

    ResponderEliminar
  13. Gorda??? Nãaaaaaaaaa, é sou um pouco roliça!

    ResponderEliminar
  14. No outro dia disseram--me que estava mais suculenta... É um elogio, certo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu acho que sim, nunca disse isso a ninguém, mas vou passar a dizer, para mim é o expoente máximo do elogio.

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.