segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Deve ser muito aborrecido

Uma pessoa ver machismo e misoginia em todo o lado, passar a vida a aborrecer-se com coisas que não interessaram nem ao menino Jesus mas acabam por nos consumir, isto em uma pessoa se aborrecendo com menoridades, está claro, ainda por cima isto de nos aborrecermos faz rugas.

10 comentários:

  1. Somos duas. É aprender a arte de not giving a f*ck.

    Primeira vez que comento e teve de ser neste post :)

    ResponderEliminar
  2. Hã?
    (É por causa de haver poucas mulheres no futebol, ou já mudámos de tema? É que se me preparei tenciono fazer render o peixe)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cada vez há mais mulheres no futebol, Mirone. E miúdas pequenas a jogar também.
      (isto para não falar nas apresentadoras)

      Eliminar
  3. Eu acho que só se torna cansativo porque a blogger parece só escrever sobre isso ultimamente. Mas a verdade é que eu vejo machismo todos os dias. Opto é por não falar sobre isso todos os dias pelo bem da minha sanidade mental. Mas ainda bem que há quem o faça! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto não vem a propósito de nenhuma blogger, embora se aplique perfeitamente.
      (foi um jantar de amigos que deu discussão quase séria, mais um pouco e estava capaz de apostar que um dos pequenos dormiria no sofá)

      Eu posso ter sorte, a sério que posso, mas não vejo assim tanto machismo à minha volta embora veja muito egoísmo, às tantas o problema pode ser da diferente interpretação da coisa.

      Eliminar
    2. Nem de propósito, era o que estava a pensar.
      Vejo sim muito egoísmo, cada vez mais e esse não se restringe somente a um género.

      Eliminar
  4. Picante, olhe lá que belo tema ;)

    http://observador.pt/especiais/fotografias-dos-filhos-nas-redes-sociais-o-cerco-aperta-se/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ando há imenso tempo para pegar nesse tema. A ver se é esta semana.

      Eliminar
  5. A misoginia (pessoas que odeiam mulheres por... elas serem mulheres) não é uma menoridade. Se há coisas com as quais as feministas se preocupam que são parvas? Com certeza! Toda a gente se preocupa algumas vezes na vida com coisas sem importância, prazeres de viver num país de primeiro mundo. No entanto o machismo nao é um problema pequeno. É por existir machismo que as mulheres são violadas, não têm direitos básicos em muitos países, recebem menos que os homens, são chamadas de putas por usar mini-saia.
    Não me parece uma menoridade. Digo eu.

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.