terça-feira, 21 de outubro de 2014

Lindos e louros, em Gap e Ralph Lauren

Já os meus, ainda antes de "mãe" e "pai", disseram palavras verdadeiramente assombrosas. Um disse termodinâmica, outro disse champagne.

(e depois disseram, em coro, Mercedes)

56 comentários:

  1. Esteve bem, Picante! A do "carro" matou-me. :)

    ResponderEliminar
  2. Depois de papá e mamã, acho que disse papa e papato (sapato), vô, vó, cão... Hélas... Nunca serei ninguém no blogomundo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um B e o O , BO, um T e um A, TA
      Agora diz lá
      - SAPATO
      lembrei-me desta piada

      Eliminar
    2. Acho que a primeira palavra é sempre papa, apesar de os pais dizerem que não é nada papa, que é papá.
      Pai, mãe ou carro nunca vi, confesso.

      Eliminar
  3. No que a isso diz respeito, confesso que não percebi pevide mas posso fazer um texto. Chato.Muito chato.e com pontuação errada a dizer o que penso sobre isso no que a isso diz respeito.

    ResponderEliminar
  4. Sendo que o que me tem vindo a preocupar no que aos blogs diz respeito é:

    O workshop de papas de aveia.

    E pensei, e se a malta se reunisse e fizesse uma worshopzinha (esta palavra é linda!) de como fazer Nestum seguida duma conversa de como fazer cérelac sem grumos tudo num mercadito perto de si? Olhe no Bulhão por exemplo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Haja alguém que dê conta das mesmas coisas que eu :) essa da workshop das papas de aveia... GOD!!! Qualquer dia estão a fazer workshops de como calçar os sapatos. Haja imaginação e gente parva em gastar dinheiro com estas coisas.

      Eliminar
    2. Estão a brincar, não estão? Onde, por Deus, onde?

      Eliminar
    3. http://diasdeumaprincesa.clix.pt/2014/10/bom-dia_20.html

      Sim, Picante. Parece mentira. Só que não.

      Eliminar
    4. Gostaria de acrescentar ao Nestum e à Cerelac, preciosidades como a farinha 33 e a farinha Amparo, coisas da minha infância, que sou mais velha que estas meninas. Para quando um workshop sobre isto? Estas papas ainda se vendem naquelas lojas vintage da moda.

      Eliminar
  5. Eu acho uma graça que a senhora, baseando-se em blogs que já existem não escreva no fim que é um *sponsered by Seat. Já que se inspira tanto noutras coisas, podia também usar para tornar a coisa um pouco mais profissional. Ah, mas não... é só um blog de uma mãe de duas meninas, tá certo!
    E essa do carro, a sério? Não havia outra coisa para dizer? A menina não sabe dizer "calgonite", "planta sabor a manteiga"? Deve aprender a dizer as palavras de maneira certa, dependendo dos €s! Que esperta que a menina é!
    É claro que a parvoíce está em quem escreveu o post e não na criança que é usada para vender qualquer coisa que os pais escolham representar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo Picante. A isso se chama desonestidade. Só lhe fica mal. Admita logo que tem aqui um patrocínio da Mercedes.

      Eliminar
    2. Ora, bolas! Eu a tentar piscar o olho à Mercedes e é isto.
      Vocês não ajudam nada, caramba...

      Eliminar
    3. E são €25 por pessoa para aprender a fazer papas de aveia.....Lord.....

      Eliminar
    4. E a Picante, após cada post, também devia escrever "Sponsored by Musa X/Y/Z"

      Eliminar
  6. Pipocante Azevedo Delirante21 de outubro de 2014 às 10:15

    O meu petiz quando for grande quer ser assessor. Ou agente FIFA.
    Aposto que as vossas crias pelintras querem ser astronautas ou médicos.

    E já agora, não conhece marcas de carros. É mais helis e iates.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pequeno Jorge Mendes <3

      Eliminar
    2. Pipocante Azevedo Delirante21 de outubro de 2014 às 11:42

      burros são aqueles que ainda querem que as crias sejam jogadores de futebol.
      Povão inguinurante!

      Eliminar
    3. Há uns tempos ouvi um petiz a dizer que, em crescendo, queria ser filho do CR7. também não seria mal pensado...

      Eliminar
    4. Pipocante Azevedo Delirante21 de outubro de 2014 às 21:54

      Eu não me importava de ser filho da Irina.
      Muito colinho,, muito colinho..

      Eliminar
    5. Postas as coisas assim eu seria a mãe do Clooney. Sem qualquer polêmica no que à amamentação diz respeito.

      Eliminar
  7. Esse post tem tantas por onde se pegar.
    Adorei as dicas de como-fazer-o-seu-homem-se-sentir-valorizado-quando-se-arrasta-o-triste-coitado-para-uma-feira-das-vaidades-ao-mesmo-tempo-que-pode-ver-um-carro-para-não-se-sentir-completamente-emasculado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahahahahah que mazinho/a!

      Eliminar
    2. Não é um carro qualquer! É um Seat!

      Eliminar
  8. A minha foi exquisite seguido de c'est magnifique maman... Só lá para os 4 meses é que disse mamã querida e papá adorado (sabe pronunciar muitissimo bem o r), mas nós somos poligolotas é natural que as vossas crias sejam mais lentas... E Ia jurar que hoje ouvi um kim jong un... isto de ver as notícias do canal norte coreano

    As maravilhas da maternidade e de ter crianças sobredotadas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As crianças são lindas e encantadoras, mas eu escusava de saber. E penso que os restantes, também.

      Eliminar
    2. Ouvi dizer que os pais das crianças sobredotadas não devem muito à inteligência. É aquilo da justiça divina...
      Eu cá não sei, só ouvi dizer...

      Eliminar
    3. Cof cof... Pois, são adoptadas!!! Porque aqui é tudo inteligência! Nas famílias felizes todos são felizes... e bem educados! E felizes já tinha dito? É que tanta inteligência leva à perfeição. E somos tão felizes! É uma espécie de mantra da felicidade!

      Eliminar
  9. Ora finalmente um post irónico como há muito não se via por aqui. Não a conhecesse eu de gingeira, viesse eu aqui pela primeira vez e era capaz de vir ao engano.

    Mas hoje esteve bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada.
      (se procurar com afinco encontrará mais dois ou três...)

      Eliminar
  10. As botas de inverno e calçoes, continuam a fazer-me impressao.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. UGG's. Atenção que são UGG's, não podem ser umas quaisquer.

      Eliminar
    2. Sobre as UGG´s deram-me umas como prenda e eu achava que aquilo eram pantufas... pronto, eu confesso que nisto do mundo da moda sou muito despistada (e continuo a achar que aquilo parecem pantufas e que é ridículo andar com aquilo na rua). Mas eu não sou de modas.

      Eliminar
  11. Pipocante Azevedo Delirante21 de outubro de 2014 às 11:52

    A senhora vende o seu peixe. Ou outro produto qualquer.
    Come quem quer.
    Se há bestas que acreditam naquilo... que lhes faça bom proveito a palha.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que as pessoas começam a não achar piada tanta publicidade. O blog começa a ficar muito pouco identificável com a maioria das seguidoras. Pois é,... é um negócio.

      Eliminar
    2. Ninguém pode levar aquilo a sério.
      O que me espanta é a SEAT deixar sair aquilo, como está. Até lhes fica mal. Mas será que ninguém revê aqueles textos?

      Eliminar
  12. "Bullshit", foi a primeira palavra do meu mais velho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu toma cuidado, com um vocabulário assim elaborado, estou capaz de apostar que o mais novo dirá um "up yours"

      Eliminar
  13. A vendedeira do conta-visitas avariado já deve andar a ensinar a mainova a dizer australopithecus. Que ainda pode servir para alguma coisa no futuro.

    ResponderEliminar
  14. Ora Picante, o mal não estará em saberem identificar verbalmente objectos do dia-a-dia, estará em crescer e no restaurante pedir uma mousse de chiculate.

    ResponderEliminar
  15. Dasse! São todas tão ricas e estão tão bem na vida que até estou aqui roidinha de inveja. Só eu sou uma pelintra que tem que contar os tostões para comprar os meus pensos.
    Tomara vocês terem um Leon daqueles, mas gabam-se como cestas da vindima e s´´o andam de Mercedes.
    Gaba-te cesta que amanhã vais para a vindima.
    Dasssssssseeeeee!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Credo Isoldinha! Sente-se bem?

      Eliminar
  16. Giro, giro é quando ela vem aqui espreitar e depois responde no instagram! E que as criaturas comentam que são criticas???? Não sabem ver aquela coisa a passar de três em três segundos??? É critica ou constatação de facto. OMG

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se é o que estou a pensar,... escolheu um poney que diz "Haters gonna hate".
      Depois nos comentários o habitual:
      blá blá blá... "inveja",
      blá blá blá, "filhas lindas",
      blá, blá, blá "família feliz",
      Adoro essa atitude passiva-agressiva, dá o mote com uma mensagem e os fantoches que são as suas seguidoras dizerem as asneiradas todas. Isso é que é bonito de ser ver. Um pouco de manipulação...

      Eliminar
    2. Pipocante Azevedo Delirante21 de outubro de 2014 às 21:58

      Sou só eu que me incomodo com o facto das duas filhas menores terem "seguidores"?
      Não sei se é efeito da série do Bacon, mas parece-me algo de depravado....

      Eliminar
  17. És tão chata e tão dissimulada. Dependente.

    ResponderEliminar
  18. E aquela foto que ela pôs no instagram sobre "originalidade"? Directamente para a "my happy kids" que fez um post copy paste do dela sobre o dia em que os filhos conheceram o irmão. Esse é flagrante mesmo. Mas bem, a outra também copiou o nome da cria, estão pagas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa também não é muito dada a inteligência, não é preciso ser-se um génio para escrever um post sobre nada, não precisava de ir copiar a outra.

      Mas giro giro, são as quezílias entre elas e ir responder para o instagram, não soubesse a idade e diria que era uma miúda de 15anos

      Eliminar
    2. Os blogs e as coisas que vocês sabem deixam-me pasma...

      Eliminar
    3. Isso são mulheres feitas. Agora estão a pôr as garrinhas de fora, está a estalar o verniz, estão a mostrar o chinelo, porque isto dos blogs e das iniciativas, além de se fazer dinheiro é um afago ao EGO que é nauseante.

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.