quarta-feira, 1 de outubro de 2014

As coisas são como são

Posts a falar sobre gordura têm muito mais comentários que posts a falar sobre ginásios...

(um terço dos Portugueses é gordo, ou tem excesso de peso, se preferirem um termo mais meiguinho, mas fica ofendidíssimo por se lhe dizer isso, vou começar a usar a expressão "aquela mulher que ingere muito mais calorias do que necessita, há anos...)

20 comentários:

  1. Ou pode-se dizer, para suavizar a coisa: aquela mulher que não mete o rabo no fato de banho do ano passado.
    ...Gluppp!
    Corvo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O fato de banho sempre serviu. Não ficava era lindíssimo. Agora já fica.
      (não é tão bom?)

      Eliminar
    2. Ó Picante mas isto tem piada, eu rio-me sempre com esta do fato de banho e a Picante é boa onda e deixa-nos brincar, é o que vale :)

      Eliminar
    3. Ora... Eu gosto de me rir, ia lá ofender-me com as insinuações maléficas do Corvo?

      Eliminar
  2. Ou gasta muito menos calorias que deveria. Há tanta gente que come bem mais, mais, mais que eu, passa o dia sentado e é macérrimo. Coisas! Porque as pessoas são diferentes.

    Nâo percebo a tua preocupação com a gordura dos outros. Tens tantas coisas, tuas, com que te preocupar. Agora, eu já tenho algumas coisas, tuas, que me leva, a mim, a preocupar-me contigo. Por exemplo: conduzires alcoolizada e a alta velocidade. Isto, comparado a excesso de peso é nada. Deixa-te disso e faz-te à vida.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho bem que se preocupe. Pode ser que um dia, passe a alta velocidade e a apanhe. Preocupe-se...

      Eliminar
    2. Eu também me preocupo com a gordura alheia, até para poder descansar quando encontro alguém mais gordo do que eu.

      Eliminar
    3. Também me preocupa a obesidade alheia quando estou na praia com a teleobjectiva a tentar focar seios desnudos. Distrai pá.

      Eliminar
  3. Sinceramente existem outros assuntos mais relevantes, porém compreendo que este suscite curiosidade, uma vez que a dita existe em muito boa gente, mas desde que seja moderada a vida continua!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pipocante Azevedo Delirante1 de outubro de 2014 às 16:49

      Eis uma opinião das boas

      Eliminar
    2. Muito bem Arrumadinha.

      Eliminar
    3. Então, e se não for obesidade moderada? A vida não continua?
      Ai....ai....enfim.........

      Eliminar
  4. Toda a gente goza connosco.
    Mas a este ritmo em breve seremos 2/3 e então veremos quem é que é gordo!

    Amigos magros mas gordos de espírito juntem-se a nós. Em breve seremos "normais" e depois seremos todos. Legislaremos um plano alimentar adequado! Não haverá cá gente a passar mal para manter a forma!

    Gordinhos venceremos.
    Até à vitória final, como clama a CGTP, o que quer que isso seja, a vitória, o final...
    Só não mando cumprimentos aos camaradas da Coreia porque são todos magros e têm cabelo por imposição jurídica!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahahahahahahahahahahahahahahahah
      ahahahahahahahahahahahahahahah
      ahahahahahahahahahahahahahahahahah

      Eliminar
  5. Pipocante Azevedo Delirante1 de outubro de 2014 às 16:54

    quem é gordo (obelix)????

    Eu sou mais magro que o Fernando Mendes mas mais gordo que o Carlos Cunha.
    Tenho um perímetro abdominal acima do estipulado pela Lei dos fashionistas, mas abaixo do referenciado pela OMS.
    Onde estou?
    Sou gordo?
    Sou magro?
    Sou normal?

    ResponderEliminar
  6. Pelo que vou lendo por aí, fico simplesmente com a ideia que as pessoas ficam ofendidas por tudo e por nada.

    ResponderEliminar
  7. Lógica difusa, funções de pertença, gordos e magros em simultâneo mas em diferente grau. Poças, as máquinas de lavar já usam essa coisa há décadas.

    Mas é algum crime eu ser gordo? Deveria pagar mais pelo bilhete do metro era? Mais impostos, mais taxas moderadoras? Mais contribuição audiovisual?

    É assim camaradas, em caso de dúvida consultar a nutricionista. É escusado estarmos aqui a falar sem perceber o que quer que seja do assunto.

    Para as senhoras é fácil:
    . Zara = magra, de uma magreza esforçada, a roupa acentua;
    . Elena Miró = gordinha a gorduchinha, a roupa disfarça
    . As outras estão bem.

    Para os homens também é fácil: qualquer fatito de umas centenas de euros torna um homem gordo num óme elegante. Só não usem aquelas coisas às listas como o PP. A não ser que seja dia de alcoice.

    (vou começar a cobrar por estes conselhos, como a Filipa; com sorte sai seminário conjunto)

    ResponderEliminar
  8. Pipocante, pipoca mais picante, pipoca arrumadinha, é que vai aqui uma pipocada!
    Depois é a cocó para a esquerda, a cocó para a direita, a cocó para baixo, a cocó para cima,mas quem é que percebe tamanha algavariada?
    Mamulengo Cagaito

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.