sexta-feira, 20 de junho de 2014

Dúvidas, a minha vida é isto

Em conversa sobre aquele negócio novo de sandálias, diz-me uma pessoa que fica preocupada, que não sabe do que viverá a pequena, no Inverno. A vossa Picante, que tem estado presa e por fora destes últimos blogo-desenvolvimentos, depois de se inteirar do que se passa, fica ainda mais preocupada, toda a gente sabe que a vossa Picante é uma pessoa que se preocupa, pois não é? Mas dizia eu que fiquei realmente preocupada... Do que viverá a pequena no Verão? É que, dentro do género, já tínhamos a Sapatolândia, por Deus. E tenho a certezinha de que sempre será mais em conta...

87 comentários:

  1. Vá... tem lá umas que até gostei, mas quando vi os preços deu-me logo vontade de rir!

    Maria

    ResponderEliminar
  2. Vou esperar pelos comentários para ver se descubro do que se trata :) não me apetece ir à procura

    ResponderEliminar
  3. Está a falar da casa da porteira? A que fica depois da porta, ao fundo das escadas à esquerda?

    ResponderEliminar
  4. O futuro a Deus pertence, o que importa é o dia de hoje e hoje está solinho, dizem, já te disse que gosto de solinho?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Atenção às mudanças de tempo, súbitas. Mas hoje está sol, um lindo dia...

      Eliminar
  5. Quando vier o inverno vende botas e sapatos, qual é a dúvida?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo, Mirone. Não sei bem o que algumas pessoas esperavam ver, de acordo com os comentários no blog dela. Galochas ou botas de cano alto para estes diazinhos de sol?

      Quanto ao negócio, eu gostei de muitos modelos, ainda que não usasse todos. O preço só é alto ou, melhor dizendo, excessivo se a qualidade não justificar o investimento. Quem sabe distinguir umas boas de umas más sandálias, uma boa de uma má pele, pegando no calçado saberá aferir se compensa comprar aquela marca ou uma conceituada (afinal usam calçado de que gostem ou marcas?)

      Eliminar
    2. Por incrível que pareça existem pessoas que só usam calçado de marca porque normalmente as marcas fazem calçado de qualidade, quem tem dinheiro gasta em qualidade não por ser de marca x ou y. As pessoas sabem distinguir calçado de pele de umas sandálias com a palmilha em pele...e cada vez são mais cuidadosas com os investimentos que.fazem ( por isso é que têm dinheiro..)

      Eliminar
    3. Eu sei disso e concordo que as magras conceituadas, normalmente, atingiram certos patamares devido à qualidade. Mas também acho que há coisas de qualidade que (ainda) não são tão reconhecidas. Apenas isso. E nem sequer estou a falar do negócio das sandálias, atenção.

      Eliminar
  6. Acho que tenho de me actualizar, o trabalho arruína a minha blogo carreira.

    ResponderEliminar
  7. É assim tão difícil para ti dizer bem? Os sapatos são de muito bom gosto. O preço pode não ser para todas as carteiras. É verdade. Quem pode compra, quem não pode não compra. Qual é o teu problema?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não gosto de sapatos feios. Há toda uma mística ao redor dos sapatos. Eu sou bua pessoa que liga muito a sapatos.

      Eliminar
    2. Já agora, não se importa de postar um ou dois pares dos que, em sua opinião, são assim para o aceitável? É que quando foi aquela vaga de postar sapatos, a menina foi a única que fez um post sobre o tema mas sem qualquer ilustração. Lembro-me, na altura, de ter pensado: "olha, os dela devem ser tão foleiros que nem tem coragem de os mostrar."

      Mas, lá está, uns dias depois ameaçava denunciar quem exibiu sapatos pavorosos. Foram, faço notar, bloguers que pelo menos tiveram coragem de mostrar.

      Faça-nos a gentileza, mostre-nos lá os seus sapatos. Ensine-nos lá o que são sapatos bonitos, que a Picante só quer espalhar bons ensinamentos, tenho a certeza.

      Eliminar
    3. Ora... Acha mesmo que viria aqui postar os meus velhos e bimbos sapatos? Ora...

      Eliminar
  8. As sandálias rasas são medonhas! E as de salto, só mesmo umas. Mas, por aqueles dinheiro todo, comprou outras bem mais giras!!

    ResponderEliminar
  9. Eu (não) sou a NM - mas não sou mesmo20 de junho de 2014 às 11:58

    Gostava que me esclarecessem, umas pistas, umas indirectas... isto não pode ser só blogs que uma pessoa tem que trabalhar mas uma pessoa gostaria de saber do que se fala para se sentir bogo-incluída.

    Agradecida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Chiça!!!! Mas quem compra aquilo se por mais tuta e meia compra uns do Luís Onofre...??!! Esta gente acha que só porque gosta de sapatos, acha-se "mega expert"/entendida/supra-sumo/mega capaz para desenhar sapatos. Um bocado de modéstia não fazia mal a ninguém

      Eliminar
    2. Eu (não) sou a NM - mas não sou mesmo20 de junho de 2014 às 13:55

      ??

      Eliminar
    3. Adorei o nick! "Eu não sou a NM" é muito, muito bom!

      Eliminar
    4. Ahahahahahahahhahahahahahahahahahahahahhahahahah... Mas e agora o que vem a ser isto?? Como assim a pregar o meu nome em vão... :DDDD

      Eliminar
  10. Respostas
    1. One a day keeps the doctor away.

      Eliminar
    2. Desde que não se publiquem nomes, pode dizer-se tudo o que se quiser, certo? Já é correcto e legítimo, ainda que o que diz sem apontar nomes seja mais ofensivo de que se fizesse uma crítica directa mas justa, é isso?

      E ainda tem a coragem de atacar quem comenta em anónimo!

      Eliminar
    3. O que disse eu de ofensivo? Que acho as sandálias medonhas? E caras? Que para comprar aquele género há sítios muito mais baratos? Isso não é ofensa, a menos que já não decorosas dizer um não gosto.

      E quem é que ataquei, já agora? Limitei-me a dizer a um Anónimo para retirar os nomes, de um comentário. Nomes que nem se referiam a mim.
      (Tome um chá que isso passa...)

      Eliminar
  11. Pipocante Azevedo Delirante20 de junho de 2014 às 12:04

    é a prima do joao moutinho?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O João Moutinho tem uma prima?
      (as coisas que vocês sabem...)

      Eliminar
    2. Pipocante Azevedo Delirante20 de junho de 2014 às 17:38

      O M*** Podre? partilham o mesmo nome, devem ser familiares, mesmo que afastados

      Eliminar
    3. Tinha-me esquecido a alcunha. Não foi bonito o que nos fez, de facto.

      Eliminar
    4. Correcção: Judas Moutinho, JUDAS!!!! (Ah mas Deus não dorme e tudo se paga nesta vida)

      Eliminar
  12. Respostas
    1. http://imagensparafacebook.com/imagens-facebook/engracadas/4-macas-que-mudaram-o-mundo.html

      Eliminar
  13. Vá lá picante se isto não é bulling é perseguição.
    Também não gostei de toda a coleção. As sandálias rasas, embora clássicas, não as acho feias. Os gostos são relativos, como vê.
    São caras? Compra quem quer ou quem pode. Fácil. Ninguém é obrigado.
    Diz à anônima para não publicar nomes? Daqui a pouco vai dizer que não foi a picante que publicou o texto, permitiu que foi que outra pessoa o publicasse lool

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Perseguição? Por dizer que não gosto dos sapatos? Sério?

      E obviamente que fui eu que publiquei o texto. Está assinado, não está?

      Eliminar
    2. Não. Por claramente não ter outro assunto. É que tanto, mas tanto critica, e vive enfiada naquele blog. É claro que a picante não gosta dos sapatos. Talvez se a Luna fizesse um post a dizer que odeia os sapatos talvez a picante fizesse um outro post a dizer que nunca na vida pensou em escrever bem sobre o "paraíso".

      O texto está assinado sim senhora.Mas não podemos dizer o nome da blogger em causa não é verdade? Pode sempre vir aí um blogo-processo, mas desta vez a sério.

      Eliminar
    3. Favor deixar a Luna fora deste assunto, sim? Não tem nada a ver com ela.
      E o único blog onde eu me enfio é este.
      Gostam muito de atirar postas de pescada que não conseguem sustentar....

      Eliminar
    4. E deixe de dizer tolices, eu quero ver qual é o advogado que processa alguém por esse alguém dizer que umas sandálias são feias que doem. Querem lá ver que agora não posso dizer que aquilo é feio?

      Eliminar
    5. Claro que a Picante pode dizer que as sandálias são feias que doem. E a PN não pode dizer que o blogue da outra é mau que dói?

      É porque ela disse nomes e a Picante não, embora seja mais do que óbvio de quem está a falar? Se a PN fosse hipócrita como a Picante e apenas sugerisse o óbvio sem dizer nomes, já estava tudo bem?

      Afinal onde estão as suas balizas? Pode dizer-se mal ou não? Ou, se preferir, pode ou não dizer-se que não se gosta?

      Eliminar
    6. Pode. Claro que pode. Desde que todos possam e não apenas alguns.
      (Ainda assim acho que é diferente dizer eu não gosto desses sapatos, já há disso aos pontapés e bem mais baratos, de dizer o teu blog não tem ponta por onde se lhe pegue...)

      Eliminar
    7. O verbo sustentar é um outro hit deste blog... Diz que só vive enfiada neste blog, mas não deixa de saber o que se passa nos outros. Quer sustentar? Ou só eu é que vejo aqui uma incongruência?

      Pode dizer que os sapatos são feios sim senhor. Também acho que se publica muito lixo na blogosfera e nem por isso ele deixa de ser publicado. Viva a blogo-liberdade!!! Convém lá está é não viver obcecada com a vida da miúda. Já chateia a quem lê, agora imagine à própria. Sempre a bater na mesma tecla, sempre no mesmo... Ufa! Já cansa.

      Eliminar
    8. Já a Luna parece que pode chamar nomes e dizer o que quiser que ninguém lhe diz nada. Incongruências caro parceiro anónimo?

      Eliminar
    9. Quando falei na L*** (atenção que aqui ninguém diz nomes) não me estava a referir ao aspecto de poder referir nomes ou não e de as pessoas lhe dizerem alguma coisa sobre isso ou não. E o parceiro anônimo percebeu muito bem onde eu queria chegar. Ora leia outra vez o meu comentário: "talvez se a Luna fizesse um post a dizer que odeia os sapatos talvez a picante fizesse um outro post a dizer que nunca na vida pensou em escrever bem sobre o "paraíso". Onde está a incongruência?! Percebe onde quero chegar ou simplesmente não quer perceber?!

      Agora em resposta ao que escreveu: não faço a ideia se "ninguém diz nada" à referida blogger. Em primeiro lugar porque há moderação de comentários e não sei o que ela aprova ou não. Também não são permitidos comentários anónimos o que desde logo restringe o número de comentadores. E os emails que eventualmente lhe cheguem à caixa de correio, sobre o assunto (digo eu), nunca serão de conhecimento público, a não ser que ela entenda dar conhecimento deles aos leitores.

      Em segundo lugar, embora não concorde de todo com a tal blogger sobre esse assunto que trouxe à baila (o tal do empreendedorismo, do casamento etc) há duas coisas que não nos podemos esquece: a L*** não se esconde atrás do anonimato, muito pelo contrário. É aliás facilmente identificada. Tempos havia em que tinha o facebook pessoal ligado ao blog, onde conta alguns aspectos da vida pessoal, onde fala da carreira académica, por exemplo. Facilmente identificada.
      Mais, não esconde do que fala, e referiu por diversas vezes o nome das pessoas em causa, do casal e os blogs em questão. Não nota diferença nenhuma?! Onde está a incongruência (pergunto eu)?

      Eliminar
    10. Anónima, tenha lá dó, sim? Este é o segundo ou terceiro post que faço acerca da pequena. Em novecentos que tenho escritos. Que é isso de viver obcecada com a vida da miúda?
      Vocês haviam de me vir atacar com nexo, isto assim nem dá luta...

      Eliminar
    11. Por acaso tenho algum. Dó. Agora somos nós que atacamos sem nexo. Sim, porque a picante até respondia, mas tinha que que lhe dar luta. Enquanto não referiu o "sustentar", até fico abismada.
      Vá lá picante relaxe, a sério. Só não me respondeu como é que só vive enfiada neste blog e sabe sempre o que se passa nos outros... Sim que eu nunca vi publicados comentários seus lá no paraíso, por exemplo. Sonhei com eles...

      Eliminar
    12. Não sonhou, não. Comentei um único post. Não me lembro de alguma vez mais lá ter deixado qualquer comentário. Aliás, não devo ter ido a esse blog mais que umas cinco vezes.
      E se quer saber como é que eu sei das coisas, olhe... além de ter vários blogs no feed, leio os títulos e, por vezes parte dos posts, se a coisa me interessa vou lá, senão passo ao próximo, ainda tenho alguns leitores fofinhos que me enviam mails a contar coisas. Se a coisa me interessa vou saber mais, caso contrário ficamos por isso mesmo.
      Satisfeita?

      Eliminar
  14. Alguns modelos são bastante giros, como as Constança ou as Penélope. Os outros achei algo conservadores.
    Como sou uma unhas de fome obviamente nunca daria tanto dinheiro por uns sapatos, serei sempre uma provinciana mal remediada, mas bem, isto para dizer que a moça está a dar os primeiros passos e a coisa não está tão mal pensada como isso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não disse que a coisa estava mal pensada, se bem que também lhe digo que o target classe média/ média alta é o pior de todos.
      Não é um negócio fácil, isso lhe garanto.

      Eliminar
  15. É verdade, confesso: gostei de algumas sandálias mas depois o preço hiiiiic! Mas lá está, os Xuxus que puderem, compram.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu (não) sou a NM - mas não sou mesmo21 de junho de 2014 às 15:13

      (depois de descobrir por onde andavam)
      Já vi mais bonitos e mais baratos mas lá está só compra quem quer. Por outro lado, não é um tanto contraditório dar dicas sobre como mandar vir online roupa barata e depois colocar esses preços? Encontram-se mais baratos online (mais bonitos também, mas isso já é uma questão de gosto)

      Será como a "outra": aquilo dará dinheiro porque há sempre quem tenha doideira suficiente pela blogger para querer ter tudo o que ela tem/faz. O mesmo tipo de mentalidade que leva as adolescentes a perseguir o Justin Bieber e outros...

      Eliminar
  16. Já sei de quem se trata. Bastou escrever o modelo da sandalet seguido da palavra blog e voi lá. Sou muitíssimo esperta. Só tenho uma coisa a dizer: grande coragem. A melhor das sortes para ela, que eu bem sei o que custa ser empresária. Mas parece que o calçado é uma grande aposta, basta ver a quantidade de moçoilas saltitantes de volta do sapatau, para ter a noção absoluta que a coisa está a ficar séria na industria do calçado. Bom olho. Algumas giras, mas efetivamente a coleção é para todos, logo tem de ser versátil e abrangente. A ver vamos no inverno, mas creio que deve ter já tudo preparado. É dar-lhe tempo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A colecção de inverno já deveria estar escolhida, a coisa é feita com quase um ano de antecedência.

      Eliminar
    2. Lançar uma marca quase em época de saldos? Bem visto! (not)

      Eliminar
  17. Horríveis. Talvez o namorado use os modelos enquanto põe o baton de cieiro...

    Presunção e água benta.

    ResponderEliminar
  18. Antigamente, sim que eu já sou antiga, dávam-se referências numéricas aos produtos, agora pelos vistos dão-se nomes.
    Fico à espera das Marias

    Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Talvez no seu tempo se escrevesse "dÁvam-se" mas a grafia já há muito mudou

      Eliminar
    2. Anónimo das 15:22
      Eishhhh pá… uma pessoa enganasse e pronto a polícia da grafia aparece logo.
      Ai que medo, agora vou ali para o canto e ficar a olhar para a parede durante uma hora tal é a minha tristeza.
      Olhe anónimo, pode pegar no acento e enfiá-lo num sítio que eu cá sei.
      Mas antes vejá lá se não tem nenhum acento a mais neste comentário e, se tiver, pode pegar nesse também.
      Procure bem que encontra.

      Maria

      Eliminar
    3. Maria, isto só passou porque a correção não foi simpática, ok?

      Eliminar
    4. E eu também não fui simpática e não costumo ser assim.
      Picante as minhas desculpas.

      Eliminar
    5. Eu percebo-a, a maneira como as pessoas conseguem ficar contentes por encontrar um erro, em discurso alheio, também me enerva...

      Eliminar
    6. Pipocante Azevedo Delirante20 de junho de 2014 às 17:41

      "engana-se", e não "enganasse".
      Isto não é a Olá!!

      E queria que o Anonimo pegasse no acento ou no assento?

      Eliminar
    7. Chatos, pá. Sempre a corrigir, sempre a corrigir...

      Eliminar
    8. Tão fofos que são, estes professores de português.
      Preocupam-se tanto.
      Um beijo para todos.

      Para a próxima uso o corrector ortográfico, está bem?

      Maria

      Eliminar
    9. Eu sou do grupo das que não gostam das referidas sandálias, mas isto sou eu que sou mais chinelo de quarto e na loucura, um téne.
      Também acho que o mercado está saturado de negócios do género, mas quem não arrisca não petisca e em Abril, águas mil.

      Pic, off-topic, que bela resma de anónimos que para qui tens, sim senhora.
      E chatos.

      Eliminar
  19. Pipocante Azevedo Delirante20 de junho de 2014 às 14:32

    A prima do Joao Moutinho bateu punho!
    Invejosa(o)s.

    ResponderEliminar
  20. A "Rosa Cueca" disse tudo.
    Subscrevo na íntegra.

    ResponderEliminar
  21. O camões a controlar ali sob a luz da janela fez -me confusão, mas depois lembrei-me que DESCALÇA VAI ...FORMOSA.

    ResponderEliminar
  22. Eu gosto dos sapatos. Não aprecio as sandálias de salto, por serem demasiado clássicas para o meu gosto. Mas gosto de todas as sandálias rasas. E acredito que vá ter sucesso - porque a blogosfera vende e ela tem boa imagem, é uma cara bonita e tem bom ar.

    Pode ser que seja sol de pouca dura, pode ser que alcance realmente o sucesso. Desejo-lhe sorte, como desejo sorte a todos os empreendedores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem bom ar, uma cara bonita... logo, irá vender bem! Ok!!!!!!!!!

      Eliminar
    2. Anónimo, você duvida que isso influencia? Repare que os bloggers de sucesso não são gente menos bonita. As pessoas admiram e seguem quem admiram.

      Eliminar
    3. Não sou o anónimo das 00:42 mas acho um bocado redutor avaliar a qualidade da marca e inferir sobre o sucesso da mesma e as suas hipotéticas vendas só tendo por base uma cara bonita. Da mesma forma que acho que admirar uma pessoa só porque é bonita e segundo o teu raciocínio seguir um blogger só porque é bonito é parvo. Claro que a imagem é importante, mas é muito mais importante ter uma imagem cuidada do que excluir "gente menos bonita" só porque não foi agraciada com um palminho de cara. Enfim.

      Eliminar
    4. Eu (não) sou a NM - mas não sou mesmo21 de junho de 2014 às 15:18

      Eu tenho que concordar com a S*. Neste caso as pessoas irão comprar primeiro por ser blogger e depois por gostarem de algum modelo. Alguns seguem-se e admiram-na como a uma VIP ou seja fazem de tudo para terem o mesmo que elas.

      Quanto ao sucesso posterior acredito que, aí sim, irá contar a qualidade do material o que fará com que alguns continuem a comprar ou não.

      Eliminar
    5. Claro que dificilmente a blogger lançaria a colecção se não tivesse a visibilidade do blog a ajudar, como se calhar a Ana Martins não teria aberto a loja se não fosse ser a loja da Pipoca...e isso faz sentido, sentiram-se confiantes para dar o passo por terem a fan base que têm (e trabalharam para ela).

      Mas o que a S* disse foi que ela terá sucesso porque é BONITA e as pessoas gostam dela e seguem-na porque ela é BONITA, e que trambolhos nunca serão bloggers de sucesso. Quer dizer que se a Maçã vendesse as pirosices para bebés que a Ursa tentou vender teria sucesso porque é BONITA? Independentemente de o produto ser uma merda? Poupem-me! O consumidor é burro mas não tanto!


      Eliminar
    6. A própria S* tem uma foto no seu blogue de umas sandálias rasas muito semelhantes,para não dizer iguais a um modelo que foi lançado nessa coleção.. A diferença é que as da S* devem ter custado um terço por serem da Seaside ou algo do género....

      Eliminar
    7. O que eu sei é que qq marca,seja ela qual for, seja de quem for, se tem por objectivo posicionar-se no segmento medio/alto tem de tem algo distintivo das outras,seja a nível de design ou de qualidade (de preferência ambos), se existe mercado?claro que sim...mas quem tem poder de compra é cada vez mais consciencioso no que gasta o seu dinheiro(por isso é que pertencem ao segmento alto) e acima de tudo são conhecedores,sabem reconhecer um artigo de qualidade,são exigentes ..Não me parece que ser uma blogger conhecida seja por si só motivo para esse "target" de clientes gastar o seu dinheiro, os curiosos sim acredito mas não me parece que seja objectivo da marca fidelizar esse tipo de clientes que pensa "gosto muito dela então deixa lá comprar um parzinho para depois por uma foto no facebook...." É apenas a minha opinião...

      Eliminar
    8. Anónimo das 16h17m, estará porventura a insinuar que a Ursa não é bonita?
      Não acho isso muito correcto, mas pronto.

      Eliminar
    9. Gente, a Maçã é bonita, a Pipoca é bonita. Não é nenhum absurdo dizer que as bloggers de maior sucesso e com mais seguidores são geralmente mulheres bonitas. Não estou a dizer que têm mais ou menos valor que todas as outras - mas as mulheres seguem e admiram o percurso das que vêem como exemplos. Aliás, é só ler a caixa de comentários de blogues de mulheres bonitas... "és tão lindas, estás tão elegante", etc. Mais do que elogiarem a roupa ou bom gosto, admiram a mulher. Por isso, sim, acho que uma marca tem a vida mais facilitada se estiver associada a alguém tido por "bonito".

      Quanto a quem disse que ela só terá sucesso por ser bonita... poupe-me. Ela tem sucesso porque escreve bem, porque é diferente (goste-se ou não), porque é até meia bruta a defender as suas opiniões. As pessoas já liam a Maçã antes de saberem como ela era. No entanto, ela só lançou a marca depois de dar a cara.

      Eliminar
    10. Lol, não, não disse isso. Lembrei-me desse exemplo porque foi um caso de tentativa de criação de uma marca a partir de um blog que não resultou. Mas há muitas razões para o falhanço, sendo que nenhuma delas é a beleza da blogger, lol. Por isso é que não concordo com a visão da S* que só os bonitos têm sucesso, independentemente das tralhas que vendam.

      Eliminar
    11. Ó S* mas quem disse que ela só vai vender porque é bonita até foste tu, no 1º comentário, não eu. Mas ok. Agora assim explicadinho ja soa melhor. Claro que a saida do anonimato - mostrar a cara - não foi inocente, já que já havia a ideia da marca há muito tempo. Mas isso da beleza acho que só por si não chega para apostar no sucesso da marca de sapatos que está a criar.

      Eliminar
    12. Anónimo, ei, eu não estou a dizer que ela vai vender sapatos por ser bonita. Estou a dizer que NO GERAL os bloggers mais populares são bonitos e aparentemente bem sucedidos. :)

      Eliminar
  23. Só não percebe a questão da marca ser Lisbon mas dps ser made in Brasil...mas isso sou eu que sou de compreensão lenta claramente.. Quanto aos modelos, quem gasta aqueles valores (segmento medio alto) sabe muito bem onde investe o seu dinheiro e por aquele preço parecem me haver outras marcas já bem sedimentadas no mercado e de qualidade....outros modelos sinceramente encontram se na Seaside bem mais baratos(e ao contrario do que a própria disse a Seaside vende calçado em pele made in Portugal a preços bem mais acessíveis)...de resto não lhe desejo mal nenhum bem pelo contrario...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O ponto é exactamente esse. Mas ela há-de ter feito o trabalho de casa...
      E desejo-lhe muito sucesso, tentar coisas que nos façam felizes é de valor.

      Eliminar
    2. Alguns modelos são feitos no Brasil e outros tantos em Portugal. Relacionar "Lisbon" com oo facto de alguns pares não serem produzidos em Portugal... Sabe que as Fly London são portuguesas, certo?

      Cristina

      Eliminar
  24. A coisa até pode não dar certo (e à quanto à beleza e originalidade dos sapatos, cada um tem a sua opinião e não vale a pena tentar convencer alguém que "é bonito, sim senhor" ou que "é feio que dóis, sim senhor"), ainda assim acho que vale a pena salientar a coragem e o empreendedorismo. Ao menos tentou e soube usar a sua imagem enquanto blogger, algo que se muitas tentassem estariam condenadas logo à partida. Agora que não é para todos os bolsos, isso não é, mas acredito que ela saiba disso. Vamos ver, vamos ver...:)

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.