terça-feira, 3 de junho de 2014

Do dia do buzz

O buzz, nem seria verdadeiramente um grande buzz, se se mantivesse circunspecto aos envolvidos. Mas isto dos buzz da bloga faz-me lembrar os espertalhaços que iam à pendura nos eléctricos da antiga Lisboa, há sempre mais um que replica aquilo que já foi dito noutro lado, na esperança de apanhar boleia.

(mas isto a vida é como é, quem vai na cauda chegará sempre em último ou, em calhando, corre e nunca alcança)

74 comentários:

  1. É assim tão velha que ainda se lembra disso?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sou.
      (e para o caso de não saber ainda existe o 28... e gente que se pendura nele, também)

      Eliminar
    2. Gente como a Picante, que se pendura em tudo e todo(a)s para subir na bloga?

      Eliminar
    3. Este Post aplica-se na perfeição a si, caríssima Pipoca.

      Eliminar
    4. Eu também sou antiga e ainda me lembro da moda dos social climbers. E agora temos esta moda, tão bem manejada pela Picante, que são os Bloguer Climbers. Ó pra ela a deitar mão de todo e qualquer expediente para subir uns lugares no ranking da Bloga...

      Eliminar
    5. Clap! Clap! Clap! Comentário assertivo. ;)

      Eliminar
  2. O meu buzz preferido continua a ser o aldrin

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sempre a desconversar, sempre a desconversar...

      Eliminar
    2. N vezes, o discurso por aqui, parece digno de um adorador do buzz lightyear.

      Eliminar
  3. Mas Picante, se toda a gente se envolveu... é que isto foi uma coisa assim para o Universal míuda.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. assim... universal, tipo estádio de futebol de clube regional, em dia de casa cheia?

      Eliminar
    2. Foi assim tipo Tony Carreira no Olympia. Umas 2 000 pessoas, vá.

      Eliminar
  4. Ora, se o eléctrico anda na via pública a chafurdar no bom dos aplausos, arrisca-se também a outros públicos.

    ResponderEliminar
  5. Boleia? Isto nos blogs andam todos à boleia uns dos outros...Aqui, resumindo, uma rapariga foi violada, um jornal noticiou, duas bloggers decidiram ajudar, a Leididi fez um post feminista, a Picante no blog da Filipa fez um post a gozar com o feminismo fundamentalista da Leididi. Post esse, que era obviamente provocador e propagava uma mensagem com a qual nem toda a gente concorda, e que provocou reacções de outras bloggers como a Luna e a Rita, em forma de post, nos seus próprios blogs. Nisto o Pipoco juntou-se à festa, desmontando também argumentos do post fundamentalista original da Leididi e a NM tentou discutir o assunto com alguma seriedade. Nos entretantos, Filipa (re)lembra que não dá para discutir seja o que for com a Luna e faz um post em modo Filipa, a Brejeira Apicantada onde toda a gente vem mandar a sua posta, desenterrando até um antigo blog com que em tempos muito me ri. Mais uma vez, Pipoco salva o dia com o post mais brilhante sobre o "buzz" que inclui teorias de rebentamento de blogues alheios nos quais se é convidado a escrever.

    No fim, fica tudo na mesma, umas com a mania que são mais espertas que as outras, outras com a mania que são mais engraçadas, todas muito superiores a peixeiradas, todas amigas e lindas e fofas, cá beijinho, as mulheres continuam a mudar de passeio para não ouvir piropos, o Pipoco continua a fazer alguém em algum lugar do mundo suspirar e o Pedro Almeida é o maior.

    Simples.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que comentário delicioso. Obrigada pela enorme gargalhada que me fez dar.
      (mas o meu post não visava a Leididi, visava o feminismo fundamentalista, nada mais)

      Eliminar
    2. Teimosa como uma Mula!

      Eliminar
    3. Hahahahaha!!! Muito bom. Também vou fazer um post sobre o tema. Assim como assim, se não o fizer, chamam-me sonsa.

      Eliminar
    4. E o Dolce & Bichana dão a machadada final e dismistificam o Super ego mais Salgado, o verdadeiro e único Super Ego da bloga, que curiosamente o anónimo vem cantar louvores.

      Eliminar
    5. beca, beca, beca, O Pedro Almeida É o maior!!! ahahahah

      Eliminar
    6. esqueci me da S*, que chegou tarde mas com comentários um bocado ao lado no que ao buzz diz respeito. Penso que, bem intencionada, quer manter-se fora de confusões, mas acaba por criar sempre confusões novas, capazes de intrigar quem vive fora do seu mundo de pequenas coisas.

      Eliminar
    7. Deves ter muitos, devem. Tens medo do quê, pá? Que caias do pedestal, ó santa?

      Eliminar
    8. Anónimo das 17:25, a NM só vem aqui cumprimentá-lo e agradecer-lhe o comentário que a fez gargalhar, desejar uma boa noite a todos os presentes e dar a conhecer que se vai retirar para os seus aposentos porque não tem andamento para este Carnaval. Ora então com vossa licença...

      Eliminar
    9. Esse post está muito mal conseguido. Tanta coisa para pegar no boneco do Pipoco e fizeram só aquilo... não. Está fraco.

      Eliminar
    10. Mal conseguido o tanas! Está fabuloso. Principalmente o excerto que lá é invocado, que eu não conhecia, mas ADOREI e não há qualquer dúvida de que a farpa é para ti.

      Claro que como o post dos D&G desmonta o boneco do Pipoco e tu te montaste nele desde o inicio, agora dizes que o post está mal conseguido, nem poderias dizer o contrário. Lérias...

      Eliminar
    11. O excerto não é real, pelo menos acho que não é. Eu lembro-me de um post dele em que dizia, "venham as cabras, as que falam alto, etc, etc mas por favor poupem-se às sonsas"
      Aquilo foi adulterado.
      Pelo menos pareceu-me.

      Eliminar
    12. Vai daí e resolveu ir pelo caminho mais seguro, aquele que sabia ir agradar-lhe: decidiu ser cabra e falar muito alto. Foi isso?

      Eliminar
    13. Disse "cabra"?
      ahahahahahahahahahahah

      Eliminar
  6. Os comentários aos seus textos são do melhor, isto é melhor que uma novela mexicana.

    ResponderEliminar
  7. Isto ontem esteve animado, mas o original é sempre melhor!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pipoca Arrumadinha, Amo-te e quero casar contigo!
      Prometo que vou ser um gajo porreiro para ti e nunca te vou bater nem ralhar, mesmo que me espatifes o carro.
      Beijos Doces.

      Eliminar
    2. Ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah

      Ai estes comentadores...

      Eliminar
    3. Sempre tão concisa nas respostas que dá, esta Pipoca Arrumadinha... Deve ter quê? Uns 14/15 anos? 16, vá?

      Eliminar
    4. A Arrumadinha a maioria dos post, ou, pelo menos, grande parte deles. Às vezes alonga-se mais, outras é parca em palavras. De qualquer modo, comenta sempre fintando todas as polémicas, não toma partidos e é "amiga" ("bloguisticamente" falando) de todos. Ora, talvez não seja bem uma miúda tonta, mas alguem bem esperto (não no sentido depreciativo)!

      Eliminar
  8. Viram o último post do homem sem blogue???
    Puta que pariu, como ele tem coragem de escrever aquela merda?
    Foda-se, que grande idiota.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pipocante Azevedo Delirante3 de junho de 2014 às 22:02

      "aquela"?

      Eliminar
    2. Estou mortinha por ver como é que as fãs vão responder. Que idiotas destes só se sentem à vontade para porcarias destas quando têm uma cama de idiotas à espera dele. Ainda por cima querem bilfá-lo. Ui!

      Eliminar
    3. Pedrinho,

      estou aqui na dúvida se não deverei deixar um link daquele inteligente e nada imbecil post no blog de duas ou três feministas fundamentalistas que agora me vieram ao pensamento.
      Era bonito... pois era?

      Eliminar
    4. Pipocante Azevedo Delirante3 de junho de 2014 às 22:56

      Desculpem lá a ignorância, mas porque raio aquele texto se destaca dos outros? É como estar perante uma série de poias, e discutir qual cheira pior...

      Eliminar
    5. Eu sei que a Picante não vai publicar porque toco na amiguinha, mas não sei se vocês estão a ver mas a feminista mais fundamentalista da bloga é a Rosinha Cueca. Reparem só nos posts dela e depois digam que não tenho razão.
      Ela é tão fundamentalista que até obrigou o marido o Dexter a fechar o blog dele, mas ela continua com o dele.
      Por isso a Picantinha e a Filipinha não sei porque não falam nela, discriminação, pois é porque as amiguinhas defendem-se todas umas as outras. Tanto cinismo que até dói.

      Eliminar
    6. Por acaso não concordo nada consigo. Nunca dei por que ele fosse fundamentalista.
      (o resto são devaneios seus...)

      Eliminar
    7. Se não concorda comigo está no seu direito, mas por favor poupe-me aos devaneios que isso já e desconversar. Eu também posso dizer que tudo quanto a Picante diz da Luna e da Maçã que são devaneios seus, mas não digo porque respeito a sua opinião e a Picante devia respeitar a minha.
      Se não gosta só tem de não publicar, mas não tem o direito de me ofender a chamar-me burra.
      Entendidas?!

      Eliminar
    8. Pedro, desculpe a intromissão mas ele há coisas que me bulem com os nervos...

      Vamos ver se eu percebi, a Filipa acha, por aquilo que lê, a Luna parva. Escreve-o e cai o carmo e a trindade (com o Pedro a arremessar o respectivo calhau). O Pedro acha, por aquilo que lê, o HSB um idiota. Escreve-o e é tudo na boa. Caramba... Mete-me muita confusão...

      Partindo do princípio que uma agressão é uma agressão, que por trás de cada blogue há um ser humano com sentimentos, que certamente não há seres humanos de primeira e seres humanos de segunda (tanto quanto sei, o HSB não é um perigo para a sociedade, é só tonto mas isso também qualquer fundamentalista que não ouve ninguém o é), alguém que me explique a lógica disto...

      A pergunta que se impõe é: Se no último parágrafo a Filipa tivesse escrito que achava a Luna só "parva" em vez de "parva como a merda" (aliás a Filipa nunca referencia explicitamente o nome da blogger, ao contrário daquilo que o Pedro faz neste seu comentário), o Pedro já achava o post aceitável, certo? Ou tem a ver com o número de vezes que a Filipa usou o parva/parvalhona? Ou tem a ver com o ser num post ou ser num comentário?

      A sério.... Gostava muito que alguém me explicasse a lógica disto.

      Eliminar
    9. Anónimo da 1.05h
      O que digo eu da Luna, exactamente? As únicas coisas que disse da Luna, foi o que lhe disse a ela, directamente, em caixa de comentários.
      E que digo da Maçã? Fiz um post, dizendo que me tinha retirado um comentário, depois de se ter apercebido que era a gozar. Uma brincadeira completamente inócua, sem qualquer tipo de mal.
      Se me quer atacar ao menos faça o trabalho de casa e ataque com inteligência. Isto é só patético.

      Eliminar
    10. Posso meter a colherada? Posso?
      O comentário do Pedro é até bastante mais ofensivo que o post da Filipa. Só não faz buzz porque está em caixa de comentário e não em post.
      (e o Pedro tem razão, já agora, aquele post é do mais imbecil que eu já vi uma autêntica diarreia cerebral)
      (mas a Filipa também pode achar a outra parvinha, não é?

      Eliminar
    11. Desculpem meter-me, mas como também meti no barulho em ambos os casos e posso trazer a luz, claro.
      Eu comentei o post sobre a Luna chamando-o de reles e labrego, mas comentei no hSB da forma mais reles e labrega que consigo. Eis a diferença para mim: o post sobre a Luna não foi ofensivo, o problema foi que transfere para aqui uma postura que não atribuímos a si, com um nível de escrita que não é seu. (Sim, eu agora falo no plural; se o hSB publicar o meu comentário, está lá o porquê). A parte da ofensa, por muito que se tente fazê-lo sozinho, precisa sempre de uma parte que se ofenda, não acho que seja assim tão fácil ofender alguém na blogosfera, a menos que a pessoa ande à procura do seu valor por cá. Além disso, o hSB merece mil vezes mais ser achincalhado (reparem que, para que o seja muito, convém que a Luna não seja achincalhada zero). Esse homenzito não tem feito nada para merecer a visibilidade que tem, não tem mérito nenhum, escreve através de uma receita pobrezinha, põe para ali uma imagem mastigada que para nós é de parvo, mas para as tolas é de intelectual. Ao menos a Luna escreve como é e o que é, creio. Então custa menos ver uma coisa forçada ser posta em causa, do que outra com alguns anos de... genuinidade? não sabemos como adjectivar aquilo.

      Eliminar
    12. Picante, uns post a chamar idiota ao HSB não fazia buzz rigorosamente nenhum... Porque uma coisa é um coisa, outra coisa é outra coisa. Ao HSB pode-se....

      CC, acho que é mais que claro (e isto só não vê quem estiver de má fé) que a Filipa nunca se referiu aos post, mas sim à blogger. Não satiriza/goza/insulta(whateve)r o conteúdo do post, mas sim a sua autora. E isto só não vê quem for desonesto.

      Eu só não concordo é com juízos de valor. Ninguém merece ser achincalhado (nem 1000 vezes mais, nem 1000 vezes menos) por ser como é. E se podem acusar o HSB de muita coisa, de não ser genuíno é que não podem mesmo.

      Ou não me digam que há quem se ponha a jeito para ser achincalhado... Estou aqui estou a estabelecer um paralelismo com aquelas que se põem a jeito para serem achincalhadas por causa do tamanho do decote, mas bom... É melhor não ir por aí que essa conversa já me enjoa.

      E há outra coisa... Goste-se, ou não se goste, esse "homenzito" tem, para o bem e para o mal, o que merece. Goste-se ou não se goste ele tem carradas de gente que o lê e que gosta daquilo e nós não devíamos ser ninguém para apelidar quem gosta daquilo de "tolas". Na sua opinião a Luna escreve "como é e o que é", na minha não, pelo menos nem sempre e pelo menos não em racio suficiente para lhe justificar a superioridade moral e intelectual que ostenta. A CC sente-se à vontade para apelidar o HSB de "homenzito", ai das minhas orelhas se eu (pelas minhas eventuais razões tal como a CC tem as suas relativamente ao HSB) apelidasse a Luna de "mulherzita"...

      Não sejamos hipócritas, não? Ninguém é dono da verdade. E chamar parvo ou idiota alguém, sim é infantil, não não é de bom tom, mas não é suficiente para fazer o cagaçal que se armou em que só faltava terem queimado a bruxa Filipa na fogueira. Tenham lá paciência.... Afinal de contas, como li por aí, não estamos no recreio da escola primária e há que ter arcaboiço para estas coisas, não é? E quem não tem, quem se ofende, recolhe-se que não tem lugar nesta bloga, não é verdade? (Pelo menos foi o que eu li por aí...)

      Eliminar
    13. Já cá faltava o Bruno.
      Mulherzinhas e homenzinho sem vida. Haviam de ter a coragem de dar a cara pelas vossas ideias, como o Bruno dá, haver se eram assim tão valentes.
      O Bruno tem muito mais decência que vocês todos juntos e ao contrário do que aqui se vê não precisa de apontar os erros dos outros para ter os seguidores que tem. Todos os fãs que tem deve-o apenas ao seu esforço e mérito próprio. O Bruno é autêntico e vocês não. Batalha todos os dias para ter temas interessantes no blog nem tem medo de ir a outros blogues dar o seu ponto de vista, não é como vocês sempre a porem-se em bicos de pés e a falar nele para terem visitas, mas quando é preciso ir a outros blogues dizerem o que dizem aqui nunca vos vejo lá.
      Tenho andado a conter a respiração e não digo nada, mas parece que vocês não aprendem. Há limites e este é só mais um. Digo aqui para quem quizer ouvir: BASTA!!!!!!!!!!!!!!!
      Passem bem que eu não volto cá tão cedo.

      Sandra G

      Eliminar
    14. Cara NM,

      A diferença é que estou a comentar um tipo que se lembrou de perguntar se as vaginas que têm muito uso ficam largas e faço-lhe uma crítica directa.
      A Filipa lembrou-se de tentar gozar um post da Luna onde esta descreve uma experiência traumática por que passou.
      O problema é que para além do tema não ser muito dado a tentativas de humor (opinião minha), foi tão mal feito, tão pouco inteligente e sem comicidade absolutamente nenhuma que se transformou numa coisa abjecta.
      Eu próprio já fiz alguns comentários aqui no passado onde imito os posts do homem sem blogue, a diferença é que são bem feitos (modéstia à parte), têm o tal nível de comicidade e são minimamente inteligentes e creio mesmo que nem o próprio os consideraria ofensivos.
      Por exemplo, os posts do homem sem blogue onde ele fala do internamento da mãe, esses nunca os gozaria ou imitaria, penso que não preciso de explicar o porquê.
      Mas, agora ele fazer um post sobre vaginas largas, acho que mere uma critica e os insultos directos que lhe dirigi.
      Espero que tenha ficado esclarecida.

      Eliminar
    15. Portanto, as ofensas estão directamente relacionadas com o nosso próprio conceito de merecimento.
      Eu cá não sou de intrigas mas desconfio que estou perante um argumento de merda.

      Escrevo o que eu quiser, é uma coisa que vos escapa, não sei porquê mas pronto, neste caso chamei parva de merda a mim própria, lamento que o tenham visto da forma como viram, o problema é só vosso, lidem com isso. Foi o merda que vos incomodou? Pronto, para a próxima escrevo cocó e não se fala mais nisso. Gabo-vos a capacidade analítica, sobretudo no que ao subentendimento diz respeito. Deduzem coisas que não lembra aos mais perspicazes, escapam até a quem escreve o que tanto vos incomoda, não acho normal. Sois um prodígio, mas enfim.

      O Pedro achou o HSB um idiota e escreveu-o. Acho que me chamou mais ou menos o mesmo, depois de ter lido o meu post, mas não tenho a certeza nem tempo para o ir confirmar. Portanto, temos alguém preocupadíssimo com a conduta blogueira, quando nos referimos aos posts, porém, nos comentários, é um bocado indiferente.

      As coisas são como são, vivam com isso, credo. Dois ou três dias a falar do mesmo, não há meias rotas para coser? Uns borbotos para tirar?
      .

      Eliminar
    16. Argumento de cocó.

      Desculpem, foi sem querer.

      Eliminar
    17. NM, não discordamos. Não sei por que acha isso. Claro que é o mesmo eu chamar homenzito ao hSB ou mulherzita à Luna. O que eu estava a dizer é que, no meu caso, critiquei a discrepância entre este blog (o da Picante) e o texto (o da Filipa) e foi disso que não gostei e olhe que me importa muito aquilo que eu gosto ou não, sou uma pessoa assim. E sim, só se ofende quem quer, é mesmo isso que penso. E só fica incomodado por haver quem defenda outros quem quer ficar incomodado. E só fica chateado por haver quem ataque pessoas quem quer ficar chateado. E nanananana. Os assuntos (Luna pode ser chamada de parva? e hSB pode ser chamado de idiota?) são absolutamente irrelevantes. Cada um que os veja como quer e diz o que quiser, a internet é assim há já algum tempo.
      (E nunca por um segundo pensei que a Filipa estivesse a gozar com o post da Luna, é óbvio que o gozo é para a autora e não para o post que emprestou a forma.)
      Mas o assunto azedou já há dois dias. Precisamos de pitéu novo que não tarda fico a gostar tanto da Luna como da Filipa como do hSB.

      Eliminar
    18. Anónima da 1.05. Burra? Eu por acaso chamei-lhe burra? Onde?

      Eliminar
    19. Sandra G. quer dar tautau... quer, quer...

      Eliminar
    20. Filipa, não insulte a inteligência alheia e não se enterre mais.

      Eliminar
    21. A NM tem toda a razao. E a Filipa também, já agora.
      Aliás, acho que vou escrever sobre isto. Para a semana, quando o buzz passar.

      Pedro, é mais que óbvio que a Filipa não satirizou o post. Foi aquele, como poderia ter sido outro qualquer. A Filipa satirizou a arrogância da Luna, que insiste em passar atestados de incompetência intelectual a todos quantos não concordam com ela. A maneira como a Luna responde (e não é só ela) é ofensiva. Dizer "vou explicar-te o básico", passa um atestado de estupidez a qualquer pessoa. Dá-me imediatamente vontade de lhe chamar nomes e deitar a língua de fora. E de facto, não reconheço arcaboiço intelectual à Luna para se andar a armar aos cágados, basta ver a troca de opiniões que teve comigo aqui:
      http://pipocamaispicante.blogspot.pt/2014/06/ha-muitos-anos.html

      Ela pura e simplesmente não se sustentou, rabeou, rabeou, rabeou e acabou por ir provocar para o blog dela.
      Mais, ela é intelectualmente desonesta, que tira uma palavra de uma frase, distorce o contexto e atira um argumento de merda à cara das pessoas.

      Posto isto, pelas razões acima enumeradas, eu também acho que ela é uma parva, Como acho o HSB um imbecil. E acho que os dois são transparentes, mostram bem aquilo que são.

      Pardon my french mas esta merda toda não teria sucedido se o post tivesse sido publicado no blog na Filipa. Acontece que foi publicado no meu, que tem mais visibilidade. Acontece também que Luna & companhia andavam lixadas comigo por um post que eu fiz, onde na brincadeira gozava o fundamentalismo feminino. Enfiaram um barrete que não se destinava a ninguém em especial.

      A Maria Rita chamou-me básica, mal educada, macaca, gabarola entre outros epítetos simpáticos. A Luna chamou-me nojenta e boçal. Tudo isto muito mais grave que o parva de merda da Filipa. Mas ninguém se chocou, pois não?

      Mas como a Picante é a Picante, começou uma caça às bruxas que a Picante é a causa de todas os males do universo, uma puta do pior. E a Filipa apanhou por tabela.

      Obviamente que há subjectividade, somos humanos, eu sou a primeira a reconhecer que sou mais implacável na moderação de comentários que tocam à NM, Sexinho, Palmier e afins. Se eu não gostar de uma blogger, deixo passar mais coisas. E faço isso inconscientemente. Está correcto? Não, não está. Mas sou humana e por vezes acontece.

      Aconteceu naquele post e a Filipa comeu por tabela. Eu não escreveria o post, acheio-o excessivo. Mas também não foi tão excessivo assim para o carnaval que se montou.

      Mas as coisas são como são. Isto são só blogs e a verdade é que me estou nas tintas para grande parte dos comentários, que não passam disso mesmo: comentários. Eu não vivo disto, não tenciono viver e como tal só me importa a opinião das pessoas de quem realmente gosto. E gosto da Filipa, já agora. É uma miúda mesmo fixe, dfiz o que tem a dizer sem papas na língua, isso é de valor. De um enorme valor.

      (até com processos legais me ameaçaram, pelo amor da Santa!)

      Eliminar
    22. Pedro, fiquei tão esclarecida quanto já estava. Eu bem sei porque o fez, não precisava de mo explicar (mas isso de dizer que a Filipa satirizou o post é desonesto, ela não se refere em nenhum momento ao conteúdo do post, apenas à autora). Uma agressão é uma agressão, seja dirigida ao HSB seja dirigida ao Papa. Ponto. E não andemos com rodeios nem hipocrisias. Há dois pesos e duas medidas (tem o Pedro e tem toda a gente, eu incluída). E independentemente dos motivos nós não devíamos achar que temos o direito de insultar quem quer que seja. Olhe ali a Sandra G.... Não lhe apatece apelidá-la de parvinha? Olhe... A mim apetece! É infantil, pois é. Mas e depois? Dá-se é o caso de os parvinhos terem tanto direito a andar neste mundo e a opinar nesta bloga como nós, as mentes iluminadas (é isto não é?).... Que o HSB se põe a jeito? Pois põe... Mas lá está... Já estabeleci o paralelismo em cima na resposta à CC.

      Que a Luna tem todo o direito de se sentir insultada com o post da Filipa? Pois tem... Mas não tem mais direito a isso que o HSB com o seu comentário! Independentemente do post do HSB. Um insulto é um insulto.

      (E o que se segue já não é para si Pedro)

      E foi bonito de ver tanta hipocrisia... Gente tão bem formada que a última vez que se passou da marmita e chamou parvo a alguém tinha 8 anos.... E que um adulto que chama parvo a outro adulto só pode ser uma pessoa frustrada e vil... Eh pah alminhas cor-de-rosa ide comer cocó às colheradas, ides?

      Eliminar
    23. CC, desculpa se não percebi bem as tuas "queixas" ao post da Filipa... E por mim podes deixar de gostar deles todos desde que não deixes de gostar de mim... (Presunção e água benta.... :DDD) (Mas olha que aquilo da Fanny foi injusto que a Filipa deve ser gira que se farta. Já viste aquele sorriso?)

      Eliminar
    24. Só uma ou duas coisinhas vistas por quem está de fora e não gosta de ninguém:
      - ninguém chamou boçal à Picante, o seu post é que era boçal, não a menina;
      - ninguém enfiou barrete nenhum, não pense, simplesmente há assuntos com quem tem um bocadinho menos piada gozar ou brincar do que outros (eu, que não tenho blog, já discuti assuntos sérios noutros blogs, porque acho que disseminar determinadas ideias é perigoso);
      - Nada contra a Filipa exprimir a sua opinião sobre a Luna, portanto nada contra a mensagem implícita no post que ela publicou no seu blog, mas convenhamos que a forma e o timing foram no mínimo desagradáveis;
      - ninguém é obrigado a conhecer o estilo de escrita da Filipa (e assim legitimar, ou achar uma graça o post que ela escreveu sobre a Luna) nem a saber que a Picante é um boneco e que apenas decidiu gozar e fazer uma brincadeira sobre o feminismo.

      Eliminar
    25. Não gosta de ninguém, claro que não. Olhe eu não gostando da Luna mas gostando da Izzie e da Rita (como o excelso anónimo não gosta da Filipa ou da Picante ou talvez de todas? mas gosta da Luna ) não concordo em nada consigo.

      No entanto, detestei ver o insulto gratuito. Assim como achei mesmo pobre a argumentação do Pedro.. Acho que foi hipocrita até mais não. Já para não falar no comentário que (incoerentemente) prestou a uma senhora numa foto da sexinho.

      Eliminar
    26. Olha, outra vidente. Parafraseando a Picante eu só sou responsável por aquilo que escrevo, não tenho a culpa que os outros decidam ler o que lhes dá jeito. Lamento ter de arrasar publicamente com a sua capacidade de interpretação, Anónimo das 00:56, mas o seu 1º parágrafo, no que concerne ao que eu gosto ou deixo de gostar, está errado. Para mais esclarecimentos, é ler muitas vezes o "quem está de fora e não gosta de ninguém" e lembrar-se do que lhe ensinaram em piquena, que mentir é uma coisa feia. Seguidamente, pegar no segmento "nada contra a mensagem implícita no post" (que a esta altura já a Picante confirmou que é sobre a arrogância da Luna, para esclarecimentos neste ponto ler uns comentários acima) e reflectir um bocadinho.

      Se chegar a perceber, bom para si, se não ficamos na mesma que não estou ralada sinceramente em explicar-lhe se sou Team Picantettes ou Team Ofendidettes ou se sou só mais um trollzinho desta internet com muito tempo livre.

      Boa noite, tá?

      http://www.youtube.com/watch?v=TJL4Y3aGPuA

      Eliminar
    27. Nós podemos afirmar o que queremos. O problema é quando de seguida demonstramos o contrário. A isso chama-se interpretar o entre-linhas. Já ouviu falar?

      Eliminar
    28. E aí lhe digo que se enganou. Eu no seu comentário leio objectivamente que gosta da Izzie e da Rita, e não gosta da Luna, mas acha que eu gosto. Do que está no seu comentário entre parêntesis posso escolher depreender que gosta da Filipa e/ou da Picante. Posso estar certa, ou não.

      O facto de ter escrito o que escrevi não revela em momento algum, objectivamente, uma preferência por nenhuma das bloggers a que se refere. A interpretação que fez podia estar certa ou não. Eu disse-lhe que não está. Continua a não acreditar. Objectivamente é isto.

      Eliminar
  9. Pipoca, tu que te inspiras tanto no pipoco, percebe a pinta do homem. Escreve os caraças e acaba sempre por cima. Tu é que não.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acaba por cima para ti que és tapadinho de todo, porque para os tios Dolce&Bichana descobrem-lhe as falhas todas. Mas como és uma Salgadete submissa vens aqui defender o Amo.

      Eliminar
  10. Agora a sério. O Mais Salgado é mesmo o marido da Palmier? Olhem que tem todo o jeito disso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caramba, toda a gente sabe das crianças, lindas e louras, em Gap e Ralph Lauren... quando muito será o amante, marido não. Querem lá ver?

      Eliminar
    2. Não entendo a piada que acham tanto a um como a outro......sou burrinha certamente tenho de me deixar andar pelas PMD's desta vida....

      Eliminar
  11. AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    Sandra G., não vá!! Senhooooora!!! Ó Senhoraaaaaaaaaa!! Fique!! Pelo amor da Santa FIIIIIIIIQUE!!

    ResponderEliminar
  12. Este blog é mesmo a comédia, o maior apanhado de maus argumentos já vistos, mas depois a desonesta é a outra. Até dava para fazer uma sessão de Q&A:

    Diz a NM: "aliás a Filipa nunca referencia explicitamente o nome da blogger"

    Pois não, só chamou ao post "Horas perdidas das crónicas achadas", uma referência demasiado subtil para o comum leitor poder associar uma coisa à outra.

    De resto, o que aconteceu foi que a Filipa resolveu desancar na Luna, chegou ao blog dela, leu um post de início ao fim, e nada do que nele estava escrito lhe levantou quaisquer objecções relativamente a gozar com a autora através dele. E isso revela muito à cerca da sua sensibilidade. Ponto final parágrafo.

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.