quinta-feira, 29 de maio de 2014

A ver se eu percebo a ideia...

As coisas que vêm da Fe e da Fi são verdadeiramente originais e criativas, se vierem da So ou da Su, provavelmente também serão, por razões que a própria razão desconhece. Agora a Pi, a Xa, a Ne, a Mi ou a Se... é que não, Deus nos livre de fazerem o mesmo que a Fe ou a Fi, até porque, a Fe e a Fi, para além de verdadeiramente diferentes, entre si, são também as inventoras da coisa, tudo o resto são imitações rascas.
É isso? Terei percebido bem?

(e eu a pensar que era uma tentativa pouco subliminar de dizer "Aqui, estou aqui, aqui, AQUI, estou aq...")

50 comentários:

  1. Mas a Fe e a Fi inventaram a roda, não sabias? Ou isso ou adaptaram a FIC ao seu minimi tamanho.

    ResponderEliminar
  2. EIIIIIIIIIIIII.... EU TOU AQUI, AQui, Aqui, aqui....

    I have a voice!

    ResponderEliminar
  3. Deixe-se lá dessas coisas de querer perceber o que é como é, Picante. Continue a ir às lojas da sua confiança e mantenha-se afastade desses festivais do cotovelanço, atropelo e pisadela de pé em versão lata de sardinha.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acha?? Mas são todas tão bem educadinhas e não se misturam com as manadas. Tá a ser má língua M.

      Eliminar
    2. Já viu fotografias desses eventos, já leu relatos de quem foi? Para andar no meio da confusão vou para a feira ou para a primark em fim-de-semana de saldos. Gosto muito de fazer as minhas compras sossegada.

      Eliminar
    3. Verdade Mirone. Dá sempre barraca! Mães a degrenharem-se para conseguirem comprar mais uma golinha à Camões.

      Eliminar
    4. Vi, vi. Tudo muito comportadinho, sentadas nas suas cadeirinhas a beber o chá das cinco, enquanto as "serviçais" andam no reboliço de leva e traz de roupa para as madames verem...Será que percebi mal??

      Eliminar
    5. Acho muito bem Mirone, eu cá, sou por Campo de Ourique, encontro lá todos os laços, golas e padrões escoceses sem confusões.
      (o pai preferia vê-los em riscas mas eu acho que não combinam com o nosso status, golinhas e lacinhos dão-lhes muito mais pinta...)

      Eliminar
    6. Com certeza, o status, tudo pelo satua, suponho que tenha o seu próprio tartan - com muita pinta, uma coisa tremendamente inovadora e exclusiva.

      Eliminar
    7. Obviamente. Criado pelo Mugler, exclusivamente para nós.
      (mas é um desassossego, o pai combina aquilo com uns collants velhos, com borboto e lassos, estou cansada de lhe dizer que não... que é com meia justa pelo joelho, canelada de preferência.)

      Eliminar
    8. pois em Campo de Ourique só me aborrece o estacionamento, que nem sempre é fácil, mas levando "motorista" ele que ande às voltas...

      Eliminar
    9. Olha... Mas antes lassos que com laços. Não sei, digo eu!

      Eliminar
    10. Laços são no cabelo, não queremos cabelos lassos, só com cachinhos dourados.

      Eliminar
    11. Olha que há meias com laços bem catitas.
      https://www.google.pt/search?q=meias+la%C3%A7os&client=firefox-a&hs=XFf&rls=org.mozilla:pt-PT:official&channel=sb&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ei=9xSHU_z4J-Sd0QWezoDYCQ&ved=0CAgQ_AUoAQ&biw=1280&bih=677#facrc=_&imgdii=dLgM_QVu5WaZTM%3A%3BAx4MnGEU3xqwjM%3BdLgM_QVu5WaZTM%3A&imgrc=dLgM_QVu5WaZTM%253A%3BLJJWG0pUw-fyOM%3Bhttp%253A%252F%252F1.bp.blogspot.com%252F-D_AsaRmR7ks%252FTtKu68D7AEI%252FAAAAAAAADbg%252FuCpCRkmK3sY%252Fs1600%252Fmeias%252B2.jpg%3Bhttp%253A%252F%252Fcoconafralda.clix.pt%252F2011%252F11%252Fbazar-das-meias.html%3B960%3B640

      Eliminar
    12. Em Campo de Ourique há parque de estacionamento subterrâneo. Não percebo essa de ser difícil de estacionar.

      Eliminar
    13. Há um ao pé da Saraiva de Carvalho... acho.

      Eliminar
    14. Acho que nunca é fácil estacionar em frente ao sítio onde querermos ir. São coisas diferentes.

      O parque de estacionamento é mesmo em frente à Polícia, por baixo da Igreja. Se andares à volta da Igreja, encontras os parque. :)
      https://www.google.pt/maps/place/Parque+de+estacionamento+Campo+de+Ourique/@38.715888,-9.166525,17z/data=!3m1!4b1!4m2!3m1!1s0xd19336747200145:0x581cbcc9578b486f

      Eliminar
    15. Não quero que te falte nada: http://www.ajanelinha.com/Parque_Estacionamento_1.jpg

      Eliminar
    16. Ah... É verdade, já nem me lembrava. Mas fica fora de mão, a minha loja favorita é a Patachoka, acho a melhor em termos de relação preço/qualidade. Calha que é do lado oposto de Campo de Ourique, à frente da escola primária.

      Eliminar
  4. Confesso que ando sempre á pesca, porque não leio muitos blogues fora dos favoritos e comentadores de favoritos, por isso Fi Fe ( Fo Fum) lembra-me uma história antiga, em que havia um gigante "tipo" estúpido que deus o deu...
    Fe, Fi, Fo, Fum.
    I smell the blood of an Englishman,
    Be he living, or be he dead,
    I’ll grind his bones to mix my bread

    Como não acabou bem porque acabou por despencar lá de cima, não se preocupe, porque , segundo dizem, as histórias repetem-se sempre...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É aquilo de Deus escrever certo por linhas tortas..

      Eliminar
  5. Não percebes... A Fe é a original dos Mercaditos, a Fi a dos Kid Markets... A diferença que existe entre uma coisa e outra é que me inquieta... A questão que se impõem é: a Fe copiou a Fi, ou a Fi copiou a Fe, hein??

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então aquilo não é diferente? E original? Afinal são iguais?
      Já não percebo nada, acho que ando para aqui a fazer figura de ursa... Completamente aos papéis...

      Eliminar
    2. eheheheh a fazer figura de ursa.....

      Eliminar
    3. Olha pois disse....
      Ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahshahahahahahah

      (hoje sou eu que estou uma maluca...)

      Eliminar
    4. (citada pela PMD. a consagração)

      Eliminar
    5. Olhe, nem me fale nisso que estou a ficar doente com a situação da miúda e todo o folclore que se está a montar à roda do assunto.
      O que eu gostava mesmo de saber é se alguém perguntou à miúda se é isto que quer. O mundo é pequeno, muito pequeno, e obviamente que as pessoas do Laranjeiro vão ficar a saber quem a miúda é.
      Não ponho em causa a intenção das pessoas, que não ponho, só querem ajudar. Mas, por vezes, a melhor maneira de ajudar é fazer as coisas silenciosamente. Não com este arraial todo.

      Eliminar
    6. Picante, tem toda a razão. Mas muito mais grave que isso é a manipulação em massa que se está a fazer em torno de um assunto que não está esclarecido. Investigação anda a par de segredo de justiça. Há muitas coisas por apurar. Montou-se um enorme circo e agora há muitas pessoas que podem sair muito magoadas. Uma pena que tão poucas pessoas saibam usar a cabeça. É confrangedor assistir a isto sentada em frente do pc e não poder fazer nada. É confrangedor ver pessoas que usam a solidariedade para terem mais notariedade. É medonho. Muito mais medonho que aquilo que possam imaginar. Este assunto choca-me e revolta-me... muito.
      A.R.

      Eliminar
    7. Eu louvo todas as iniciativas que visem ajudar quem precisa. Mas, confesso, neste caso fico chocada com tudo: com a inércia dos Serviços, com a negligência da escola, com tudo o que está para trás. E se, com esta mobilização, a coisa se resolve... fico pior ainda.
      Sim, pior. Porque este caso resolve-se pela mediatização, não por se ter alterado o pensamento "de fundo". Corre-se o risco de começarmos a pensar que "quem não chora não mama" - e olhe que eu própria, desempregada há dois anos, com filhos, começo a pensar que só se safa quem chora - e pensarmos, mesmo, que só pela exposição do sofrimento, com tudo o que isso acarreta, é que as coisas se resolvem.
      De resto, siga a festa. No verdadeiro sentido da palavra.

      Eliminar
    8. nónima das 14:43, peço desculpa, mas é precisamente esse pensamento que me deixa chocada. Quem é que lhe disse que a escola foi negligente? Quem lhe disse que os "Serviços" estão inertes? A comunicação social e as bloguers? Sabe o que está a dizer? Pensem, pessoas. Pensem, por favor!
      A.R.

      Eliminar
    9. Picante (às 14:21), penso exactamente da mesma maneira. Mas isso são coisas minhas, de alminha nervosa.

      Eliminar
    10. A. R. (sou a anónima das 14:43) não se zangue comigo: eu penso, mas só consigo pensar com a informação que tenho (o que li nos jornais, uns mais sérios outros mais sensacionalistas, o que vi nos noticiários da TV. os blogues são blogues, não são - neste caso - fonte de informação).
      Sim, posso estar a pecar por opinar antes do tempo: mas é a informação que tenho, a que está a ser divulgada. E infelizmente o circo só se está a montar porque ninguém oficial veio dizer que o assunto está a ser tratado (e não acompanhado), que o processo está a ter andamento. Daquilo que vejo daqui, deste lado do PC, imagino uma mãe desesperada por ver o tempo a passar e nada acontecer (os processos são demorados, a verdade demora a ser encontrada) e chega à conclusão que o melhor é dar entrevistas, falar disso, a ver se a coisa anda.
      Se a A.R. tem mais informação, e é essa informação que a levou ao seu comentário, então posso pensar que o assunto está a ser tratado.
      (em nenhuma parte do meu comentário fui irónica ou cínica, acredite)

      Eliminar
    11. Eu quando li o post nem queria acreditar. O meu 1º pensamento foi: ok já que a filha não pode fazer anos à pressa e já que os Santos Populares estão aí, toca de inventar festa rija e louvores. Até pensei se não estaria a ser mázinha com este pensamento. Mas não! Há pessoas que gostam de puxar para si os holofotes. Pedem ajuda aos outros e exigem confiança cega. Querem brilhar à custa da miséria alheia.

      Eliminar
  6. Eu depois que paguei para ir a uma feira de animais?? (já nem me lembro do nome) à fil e quando tentei adoptar um gatinho preto e gaja histérica da protectora dos animais não me deixou porque eu cometi o erro de dizer que ele podia ir à rua.

    E nem mesmo quando eu lhe expliquei por a+b que só uma idiota que tenha vivido toda a sua vida num apartamento achava que era possível manter um gato sempre fechado numa vivenda ela deixou adoptar o bicho.

    Numa mais paguei para ir a feiras, há sempre gatos para adoptar e golas camões para comprar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahahahah A sério?!?!
      As crianças/adolescentes/menores podem ir à rua (sozinhos) os gatos não?

      Tenho uma vizinha que tem portinhola para o gato entrar e sair à vontade; o certo é que está sempre na rua, apenas volta para casa à notinha. Portanto, essa coisa de dizer que os gatos não sentem falta da rua, nem sempre corresponde à verdade. Que mania as pessoas quererem aprisionar tudo e todos!

      Eliminar
  7. Mamã, ainda bem que fala nisso. Estou há horas a gritar "Aqui, estou aqui, aqui, AQUI, estou aq...", mas com esses phones cheios de brilhantes que tem na cabeça não ouve nem o pobre do cachorro que ainda está a ganir desde que o papá o tentou estrangular. Quero só perguntar-lhe se hoje me deixa ir ver os Stones, com o bilhete VIP do papá, porque ele está em Madrid e, portanto, não vai estar em Chelas logo à noite. Ah, e desta vez recuso-me a ir a um concerto com o polo Ralph e a gola Camões por cima. Vou todo de preto e levo aquelas meias largas do papá que é para estar mais confortável. Sim? Posso? Posso? Posso?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O pai está a chegar, Salgafinho. Então o menino não sabe que ele vai e vem no mesmo dia?
      Mas pode ser que ele o leve... em vestindo o polo Ralph Lauren, claro.

      Eliminar
  8. Nestas coisas da blogosfera já se percebeu que há grupos e grupinhos e as pessoas defendem-se entre si e tudo o que vem de fora não presta. Até leio a blogger em questão (ufa, hoje não fiquei a apanhar do ar) e gosto de algumas coisas que escreve, mas tenho que concordar com este post, porque pensei exactamente o mesmo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ali não me parece que haja grupos. Apenas uma tentativa de haver.
      Parecendo que não, é diferente. Muito diferente.

      Eliminar
    2. A Fe nunca me respondeu a nenhum email de candidatura a mercaditos, ou sequer a mensagem (tentei 3 vezes, nunca mais). Parece que a minha empresa legalizada não é digna de resposta, só as dos amigos lisboetas. :)

      Eliminar
    3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

      Eliminar
  9. Pipocante Azevedo Delirante29 de maio de 2014 às 15:47

    Parece que a Carolina já é viral. Fixe. Ou não.

    ResponderEliminar
  10. Essa atitude já é normal na blogger em causa. Os outros ajudam, e a senhorita em questão é que fica com os louros. E sim, concordo inteiramente com a Picante, quando comentou ali mais acima, se a menina Carolina quererá todo este "zum-zum" à volta dela, se alguém lhe perguntou a opinião acerca de tudo isto (fica a dúvida, claro). Até quando estas pessoas pseudo-famosas (à força, vá) da blogosfera (esta em particular), se irão aproveitar de alguém mais fragilizado para demostrar o seu pseudo-altruismo? Enfim, só quem já lidou de perto, na vida "real", com essa pessoa, é que sabe a pessoa que é verdadeiramente. Existe claramente ali uma patologia qualquer de narcisismo. Narcisimo profundo, diria.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E depois diz que não pretende divulgar a identidade da miúda. Hum, hum. Ontem em meia dúzia de minutos e juntando alguns elementos consegui perceber a identidade da pessoa em causa. Caramba, com amigos destes a miúda não precisa de inimigos...

      Eliminar
    2. Isso é o anónimo, que é uma "alminha nervosa" como eu.

      Eliminar
  11. Alguém sabe explicar a animosidade entre as duas? É por fazerem a mesma porcaria, mas acharem que são o máximo e que uma copiou a outra?

    ResponderEliminar
  12. Leitor duvidoso e endividado1 de junho de 2014 às 19:55

    Fe e Fi não é o que os Dolce e Bichana chamam a essas duas?
    (Perguntar não ofende... ou será que sim?)

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.