quinta-feira, 17 de abril de 2014

Note to self

Por razões cá da minha vida, estou a desmontar duas casas de gente idosa, aquilo é uma trabalheira, nem vos passa pela cabeça a quantidade de tralha inútil que uma pessoa consegue acumular ao longo de uma vida, mas o que eu queria mesmo dizer é que tomei a decisão mais importante da minha vida, hei-de lembrar-me, aí quando fizer uns sessenta anos ou assim, de mandar fora todo e qualquer objecto que possa ser susceptível de provocar gargalhadas ou caretas de horror em terceiras pessoas que, por qualquer razão tenham de mexer nos meus pertences.

(e os posts que isto não daria? daqueles de rebolar a rir? mas não... feliz ou infelizmente os meus valores não o permitem, se vos dissesse teria de vos matar e seria um aborrecimento)

37 comentários:

  1. E não é que quando li que tomou a decisão mais importante da sua vida ainda acalentei a esperança que fosse mudar para o Benfica, e vai-se a ver anda a fazer a mudança das velharias aos velhadas.
    Ao que uma pessoa se sujeita para conseguir uns cobres extra, né?

    ResponderEliminar
  2. É verdade. Gosto de dar uma limpadela nas minhas coisas de meses em meses e é impressionante a lixeira que guardamos. Quando a idade avança, mais dificilmente deitamos algo fora...

    ResponderEliminar
  3. Já viu que se livrava de umas quantas D. Joaquinas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH

      Isso aí é que já duvido, são carraças, não deslargam...

      Eliminar
    2. Mas no meio de duas ou três carraças lá se iam os meus comentadores, eu gosto da grande maioria dos meus comentadores. No can do.

      Eliminar
  4. Pipocante Azevedo Delirante17 de abril de 2014 às 11:04

    Não deite tudo para o lixo. O que para si é lixo, para outros são artigos "coleccionáveis". E não estou a ser irónico...

    PS: muita dessa "tralha" tem história por trás, e traz mais lembranças que muitas fotografias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredite em mim quando lhe digo que é lixo. O que pode ser coleccionavel já foi separado...

      Eliminar
    2. Um exemplo

      http://1.bp.blogspot.com/-BOhOT-j-jFw/UADAFv7CCVI/AAAAAAAAA_Q/E_r7_shz0Rs/s1600/Cabe%C3%A7as+Dartac%C3%A3o+Gelado.JPG

      Eliminar
  5. Claro que a tralha tem história para trás. Mas decifrar essa história é muitas vezes impossível. É uma situação tramada.
    Mais Picante, sei o que isso é, e ainda bem que não vai fazer posts para rir.
    bjihno de dedicada anónima.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tinha história, sem dúvida. Infelizmente já não tem.
      (Não me passaria tal coisa pela cabeça, Anónima, boa Páscoa!)

      Eliminar
  6. Acho que deve fazer isso a começar hoje. Sabe lá quando morre ou quando fica numa cama a vegetar? Mas, creio, o problema não é de quem está em posse desses tais objectos que fazem rir, está sim, em quem mexe nos pertences de terceiros e não tem o mínimo respeito e acha piada a tudo e mais alguma coisa, sobretudo porque não é seu, mas sim de outrem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dado que as coisas por acaso até passaram a ser propriedade minha e, mais importante, dado que não fiz chacota de nada, a menos que seja pecado uma pessoa rir para dentro, acabou de perder uma excelente oportunidade para estar caladinha.

      Eliminar
    2. Quando vemos certas coisas não conseguimos não achar piada. Daí a contar a meio mundo ou a gozar de forma aberta é bem diferente.

      Eliminar
  7. Já a minha decisão para quando for velha, se lá chegar, é fazer tudo o que me dá na real gana, sem passar cavaco a ninguém...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não duvido, não duvido... Pespeneta como é, só podia, né?

      Eliminar
    2. Ahahahahahahah... Oh D. Joaquina... Gosta muito de mim não gosta? Confesse lá... Isso de andar sempre agarrada aos meus calcanhares não pode ter outra explicação...

      Eliminar
  8. Respostas
    1. Pipocante Azevedo Delirante17 de abril de 2014 às 13:57

      Tomada em conjunto (pelas boas)?

      Eliminar
    2. Queridos anónimos,ao que me parece, vão ter de arranjar outra piada das boas!

      Eliminar
    3. Não conseguem !

      Eliminar
  9. Pois eu acho que destralhar é a palavra de ordem. Tantas vezes as pessoas ficam agarradas a meros objectos, quando o mais importante na vida são as recordações de alma. (Mas percebo que os mais antigos, que viveram em épocas difíceis, se mantivessem agarrados a meia dúzia de tarecos velhos).

    ResponderEliminar
  10. Bem sei do que fala, no entanto, onde alguns vislumbram apenas tralha é possível que outros encontrem valor!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E dizer "agarrados a meros objectos"....também tem muito que se lhe diga.
      "Meia dúzia de tarecos velhos" podem ser recordações da alma, sabe ?

      Eliminar
    2. Falta de sensibilidade e amor ao próximo dá nisso.
      Desta Picante há tudo a esperar e já nada se estranha.
      Dela e da pespineta da NM que é outra da mesma estirpe.
      E depois admiram-se muito e ficam todas ofendidas se alguém lhes diz as verdades.
      A outra pespineta Mirone nem cá vem por vergonha.

      Eliminar
    3. Ó Anónima querida e fofinha a sua sorte é que estamos na quaresma e eu não lhe posso dizer onde é que devia meter essa sua sensibilidade...
      Uppss... parece que acabei de lhe dizer, não é?

      Eliminar
    4. Como é óbvio não vim cá porque estive ocupadíssima, com a Picante e a NM a fazer chacota dos pertences que pessoas que me são queridas juntaram ao longo da vida.

      Eliminar
    5. ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah

      Eliminar
    6. Bem, cada um tem a sua opinião e se a Picante quis partilhar este episódio no seu blog é porque encontrou fundamento válido para o fazer acho!

      Eliminar
    7. Para o fazer, (vírgula) acho.
      Já lhe ensinei sobre o blog das das boas, e a vírgula dá para os dois lados. A ver se aprende de uma vez por todas porque eu não duro sempre.

      Eliminar
    8. Vocês queridos anónimos, são muito engraçados!

      Eliminar
  11. Uns amigos ao limpar as tralhas dos progenitores deram com toda ima parafrenália sexy que passados meses não conseguem falar nisso. True story.

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.