domingo, 23 de março de 2014

Ainda cá estão doze crianças em casa...

... E eu desenvolvi um profundo respeito por essa coisa das famílias numerosas, além da certeza de que, por vezes, televisão é muito melhor que sexo, pelo menos não tem efeitos nefastos  a longo prazo. Nunca uma segunda-feira foi desejada com tamanha ansiedade, essa é que é essa.

17 comentários:

  1. Acordei de uma mui necessitada sesta e estou solidária apesar de nem sequer conseguir apreender a real dimensão. O melhor do mundo são as crianças, não obstante

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso nem se contesta, Mónica. De preferência mas respectivas casas...
      (já entreguei quatro, weeeee)

      Eliminar
    2. Quem as faz, que lhes dê guarida eheheh eu só estrago com mimos os sobrinhos muito amados. Mas não são uma equipa de futebol com apanha bola, caramba.

      Eliminar
  2. 12???? Com noite incluída??? Ahahahahahahah ahahahahahahah ahahahahahahah ahahahahahahah ahahahahahahah ahahahahahahah ahahahahahahah ahahahahahahah ahahahahahahah

    ResponderEliminar
  3. De repente três parecem muito pouco!

    ResponderEliminar
  4. Tenho de admitir que não sou muito paciente com crianças. Nunca tive crianças na família... deve ser por isso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que nunca te falte dinheiro para a pílula é o que desejo...

      Eliminar
    2. A pílula é gratuita nos centros de saúde...

      Eliminar
  5. Isso costumava ser o meu panorama de férias de familia(as fdp das criancinhas, mais os progenitores, alguns traziam também o cão, os gatos, o papagaio e chegava a haver um dos casais que trazia a sogra!!!) durante 3 semanas…
    Percebe-se porque é que em Setembro eu rumava ao Sul de Espanha para umas merecidas férias só em casal, não percebe?

    ResponderEliminar
  6. Tudo entregue aos paizinhos, o silêncio é uma coisa tão bonita....

    ResponderEliminar
  7. Pipocante Azevedo Delirante23 de março de 2014 às 21:09

    Pelo menos eram educados, ou eram mais eduquês?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São miúdos impecáveis, um deles um bocado mais índio, ainda assim educado.

      Eliminar
  8. Pois, não aguento muita criançada junta. E então familias numerosas nem se fala. E os pais desses agrupamentos familiares então.... sempre com a mania que vão povoar o planeta, quando o que é preciso é menos gente para não o estragar.

    ResponderEliminar
  9. Grande paciência, hoje tenho mais uma entrevista no meu blog, das boas!

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.