segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

A vida é como é..

Uma mulher vai religiosamente à missa das sete, ao Sábado, lá faz o acto de contrição, confirma que sim, que crê, comunga e a verdade é que sai sempre de lá com a alma lavada, cheia de benevolência e tolerância para com a fraqueza alheia. 
Acontece que essa tolerância não lhe dura a semana toda, como era suposto, e vai daí que Domingo à noite, quando se senta na velha poltrona e dá a volta do costume, pelos blogs do costume, constata que as dos gojis e panquecas ao pequeno almoço, só os devem comer ao jantar que isto a vida é como é e os malvados dos chefes não se compadecem dessas mariquices. Em lendo as cartas escritas aos filhos, apercebe-se de que os filhos nunca as irão ler, afinal a vida é como é, os filhos ainda não sabem ler, vai daí que as cartas afinal são para nós que também somos filhos, que somos, mas é da nossa mãe que, em vez de nos escrever cartas, nos abraçava e dizia o quanto nos amava. As das crianças com laços, vestidas de branco, lá se aguentam para a fotografia, meio nano-segundo antes de os laços lhes caírem e fazerem uma valente birra, que não querem, que já estão fartinhas de tanta fotografia, que isto a vida é como é, e elas também se sujam e fazem birras. Os que que não deviam ter blog, mas vai-se a ver e afinal têm, lá continuam, desalmadamente a falar de sexo, que isto a vida é como é, compra-se uma Maria e sai um post. As das selfies, lá continuam a tirar selfies, vestidas de Zara e H&M, que isto a vida é como é, quem nasce para lagartixa não chega a jacaré.
Uma mulher encurta a volta pelos blogs e pensa que, às tantas, haveria de dar a volta pelos blogs ao Sábado, antes de ir à missa, afinal poderia ser que isto da tolerância lhe durasse pelo menos até segunda feira.

14 comentários:

  1. Não sei se será boa ideia Picante. No meu caso teria que assistir a duas missas e sofrer um exorcismo para recuperar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou fazer a experiência Lulu, a ver se resulta...

      Eliminar
  2. Oh Picante, a missa faz bem ao espírito, mas não faz milagres. :D

    ResponderEliminar
  3. Aquilo é tão mau que seria indecente não nos indignarmos.

    As das goji querem ser as Goop de Portugal, as outras querem ser as Chiaras Farragani.

    Os outros querem ser o Dan Savage, enfim... às vezes nem o original se salva, quanto mais a cópia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anda para ali um que me tira do sério... Eu bem que tento aguentar-me mas às tantas...

      Eliminar
  4. E a pipoca mais doce que falou do Manzarra no blog dela? A propósito de quê? A mim cheira-me que quer ir ao seu programa de Domingo! Vamos aguardar

    ResponderEliminar
  5. Eu cá adoro (amo de paixão mesmo) os blogs ao melhor estilo revista Maria. É só 'séquesso'...

    ResponderEliminar
  6. Respostas
    1. Lembrei-me de si Xaxia, aliás isto lembra-me que tenho de acrescentar um blog, ali aos da direita.

      Eliminar
  7. My dear, eu como sou agnóstica não tenho outro remédio... Ignoro! Nao posso passar-me e absolver me em simultâneo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É que estou aqui com um enorme problema, Mónica... Aquilo aborrece-me que aborrece, mas se deixo de lá ir escrevo sobre o quê? Preciso de musas novas, é o que é.

      Eliminar
    2. percebo-a! assim, como a líamos a si? ainda q me parece q tenha sempre algo para dizer...

      Eliminar
    3. Na verdade, Mónica, escrevo muitas vezes o mesmo post.

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.