quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Ele há gajas com sorte, não há?

Ouves, ao longe, o som do telefone... é uma mensagem a cair, depois outra e mais outra ainda, tens dificuldade em abrir os olhos, trabalhaste até tarde, trabalhas sempre até tarde, tu, pensas que estás a sonhar, afinal o despertador ainda não tocou, hoje tens o dia por tua conta, nada para fazer a não ser coisas de gaja, são dez horas, lá te levantas, a custo, dormiste outra vez quatro horas, olhas para o telefone e sorris, não era sonho e afinal já sabias o que te esperava, tomas o pequeno almoço calmamente, nada dessas sementes de goji e mirtilos, tu é mais sumo de laranja, café e torradas, hoje não há pão acabado de fazer, respondes às mensagens entre as gargalhadas a que te vens habituando, no duche fechas os olhos e deixas que a água te acorde definitivamente, vais buscar os jeans justos, são os jeans dos vinte anos, estão largos, não podes perder mais peso, olhas-te ao espelho e a imagem ri de volta, vais passar o resto da manhã no cabeleireiro, hoje é dia de mimos, entras no carro, está sol, abres a capota e é de cabelos ao vento que vais buscar as tuas amigas, almoçam juntas, entre mais gargalhadas, quando guias para casa aumentas o volume da música, a éme oitenta passa streets of fire, nowhere fast, dás outra gargalhada e cantas alto, afinal decoraste a letra toda há muitos anos atrás. Sorris, enquanto pensas que também são estes momentos que tornam a puta da vida tão fantástica.

52 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    2. E sabe que mais? Não me apetece gente azeda neste post. Tenha paciência que logo à tarde há mais, poderá despejar aí o seu azedume e azia. Um Santo dia e que o Senhor a ilumine.

      Eliminar
  2. A descrição perfeita de alguém bem resolvido e feliz com as coisas simples e boas da vida. É fabuloso ser feliz.

    ResponderEliminar
  3. ahahah reconheço parte desse dia.. ele há dias assim!

    ResponderEliminar
  4. Picanting the wonderful world.
    Bom Dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha, esqueci-me de responder, um excelente dia também para si. Muito obrigada
      (entrou no espírito sim senhora...)

      Eliminar
  5. Quando uma mulher se refere a si mesma como gaja, desconfio sempre um bocado, o que me leva a acreditar que sim, que tenha uma puta de uma vida. ODEIO a palavra gaja, odeio palavrões... (juro que me incomodou escrevê-los)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mirone, não quero que lhe falte nada, se quiser substituo por "tipas"
      (mulheres, senhoras ou meninas é que não, eu quero a coisa a soar desta maneira..)

      Eliminar
    2. Sim, claro que o post só faz sentido com a palavra gajas. Para mim, pessoas que se referem a si nessses termos são isso mesmo, gajas.

      Eliminar
    3. Caramba, Mirone.. que mau feitio, eu prometo que não digo gajas no seu blog e a Mirone deixa-me dizer no meu, em me apetecendo, claro. Podemos ficar assim?

      Eliminar
    4. Mirone, eu concordo que o termo "gajas" não seja um termo feliz e até depreciativo (tanto pode significar alguém cujo nome não se sabe ou quer divulgar como alguém trapaceiro, velhaco e desonesto) mas, e lamento desapontar-te as minhas amigas do coração, aquelas que são as minhas irmãs de outro pai e de outra mãe, aquelas que estão comigo para a vida, refiro-me a elas como gajas e a mim com elas como gaja também E faço-o exactamente porque não só não quero reveler-nos os nomes, como na vida real, elas são as minhas parceiras de "crime". São as minhas gajas as minas trapaceiras honestas :)

      Eliminar
    5. Ó Picante, não me diga que vai amuar, que tontinha... Claro que pode escrever isso e outras coisas. É o seu blog e faz parte da ironia usar essas palavras, mas não acredito que a Mais Picante seja uma gaja seja uma gaja, não é compatível com o escalão A superior. Isto são só blogs, e para lá dos blogs é-se o que se é, não há volta a dar.
      :D

      Eliminar
    6. Mirone, achará que eu sou pessoa de amuar? Pelo amor da Santa?
      Cá beijinho, vá...

      (eu também acho o termo "gaja" depreciativo, na verdade só o uso se me referir a mim ou às minhas grandes amigas, o contexto passa a ser diferente, de certa maneira como a Pedrinha explicou. De resto uso termos como senhora, fulana, mulher, tipa.. vá)
      (A Picante é muito tia, já eu serei o que serei...)

      Eliminar
  6. E depois acordas, certo? Ou existem mesmo dias desses?!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que existem. mas há dúvidas?

      Eliminar
    2. Gelado de Pitanga, graças a Deus que existem mesmo dias assim!

      Eliminar
  7. Ai meu deus...acabei de descobrir que a Picante não vai para nova!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De todas as certezas que tenho a mais certa é que para envelhecer basta nascer...

      Eliminar
  8. eu trato-me por gaja :) essa coisa dos jeans dos 20 anos estarem largos é a modos que muito margarida rebelo pinto, p'losdeuses, Excelsa.e cantar alto no carro com as amigas é tal e qual os vídeos que a Maria Barros expões sem dó e para nossa vergonha alheia no instagram. Tb vai almoçar à Confraria e compra vestidos das Kardashians???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mónica, eu tenho o mesmo peso há que anos. Muito raro oscilar mais de 2 ou 3 kilos para cima ou para baixo, aqueles jeans são a minha balança..
      (cantei alto sozinha, já tinha deixado as amigas e é que nem sei do que fala lá disso dos vestidos.. e também nunca fui à Confraria, já agora)

      Eliminar
    2. se calhar escrevia uns livros melhores

      Eliminar
    3. Mónica são muitas as viagens que tenho de fazer, muitos kms de estrada sozinha com o meu carro e nessas viagens canto (grito) a plenos pulmões as canções que me fazem feliz. Claro que o faço por estar sozinha e das janelas do carro estarem fechadas (mesmo que estivessem abertas a velocidade não deixaria que qualquer outro condutor incauto me ouvisse) porque canto tão mal, e sou tão dura de ouvido que até a tocar campaínhas de porta desafino!
      Mas sou muito, muuuuuuuuito feliz, enquanto o faço.
      Já agora os meus jeans não dos 20, mas dos 17 (quando o Streets of fire apareceu) ainda me servem e visto-os algumas vezes :)
      (vestidinhos Kardashians não sei o que sejam mas a personagem conheço e não, daquelas coisas que ela veste, eu não uso)

      Eliminar
    4. Eu nunca seria escritora Mónica, não sei escrever.
      (às tantas, pelo que vejo por aí, isso também não seria impedimento para publicar...)

      Eliminar
    5. Glup... eu também canto no carro... serei amiga da Maria Barros?! :DDDDDD

      Eliminar
    6. mas ninguém vos impediu de cantar :) a expressão da criatividade de cada um, é com cada um. eu questionei. somente. Apenas. mais nada. sou uma mente questionadora.

      Eliminar
  9. Picante, deixe-me dizer-lhe que passam a vida a dizer que é uma invejosa de primeira, mas vai-se a ver e, às tantas, está mas é rodeada delas. Credo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em calhando, até pode ser que sim. Ou então não que eu escolho bem as minhas companhias.

      Eliminar
    2. Olhe e a primeira já foi à vida :) ihihihi

      Eliminar
  10. Ah! Picante e estes dias são tão bons!
    It´s so much better going nowhere fast!
    E também "tonight is what it means to be young"
    E a alma fica lavada e aquela sensação que se tinha aos 16, de que tudo é possível, de que o Mundo está ali ao alcance da nossa mão (é só esticá-la e agarrá-lo) volta em pleno! É absolutamente libertador!
    Tão bom Mais Picante, tão bom!
    http://www.youtube.com/watch?v=T3ZrNz83meA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedrinha, apanhou completamente o espírito. É isso mesmo, uma sensação de liberdade e de querer é poder.

      Eliminar
    2. já agora também creio ter apreendido o espírito, porque me senti envolvida,por ele e até lhe escrevi picanting the wonderful world, devia ser day.

      Eliminar
    3. Por mim até pode ser year, Anónima, venham mais dias assim.

      Eliminar
  11. É nas pequenas coisas que está a felicidade, e nas amigas também! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está em saborear cada bom momento, é isso mesmo a felicidade, um conjunto de momentos gozados ao máximo. Se com maior ou menor intensidade... só depende de nós.
      (digo eu, mas eu também não percebo nada disto...)

      Eliminar
    2. A madrinha está aqui está a dar workshops... Olhe o que eu lhe digo... :D

      Eliminar
    3. Ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah
      Por via das dúvidas disse logo que não percebia nada disto.

      Eliminar
  12. Vou iniciar outra novena em sua intenção.Mais uma palavra malcriada!?

    Joaquina Silva ( a acender uma velinha a S. Judas Tadeu )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 2 velas sff pq falam mal e depressa... e se formos ver as acções.. ai as acções! q gajas....

      Eliminar
    2. Faça-me esse favor, querida dona Joaquina, a ver se volto rapidamente ao meu falar comme d'habitude.
      Deus Nosso Senhor lhe dê muita saudinha e um grande bem haja, sim?

      Eliminar
    3. Só queria mesmo pedir-lhe um piqueno favor, não me escreva em estrangeiro que a minha cabeça não chega a tanto.
      Obrigada.
      Joaquina Silva

      Eliminar
    4. Dona Joaquina, o trovador seu
      Em português de Portugal
      Pede oração a Judas Tadeu
      Para livrar a Picante do mal
      (que não é grande mal, coisa simples para o seu santo)

      Dona Joaquina,lhe digo baixinho
      Que "piqueno" é palavra pirosa
      Peça ao Santo o favorzinho
      De outra intercessão milagrosa

      Eliminar
    5. Mas ó anónimo das 16.47, também conhecido por trovador da Dona Joaquina, eu sou pirosa e assumida.
      Joaquina Silva

      Eliminar
  13. gaja = pessoa porreira do sexo feminino, só isso, nada depreciativo.

    falo muita vezes de mim como gaja, (dá cá um beijo à gaja) e falo das minhas gajas.

    não me parece mal.

    ResponderEliminar
  14. E cheia de sorte... aqui capota aberta era trágico....
    Bom "OH Happy Day ! "

    ResponderEliminar
  15. Eu também tenho dias em que sou mesmo feliz...

    ResponderEliminar
  16. Para mim isto foi a queda de um mito. Afinal é uma gaja como as outras. Que pena.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desagradável seria se fosse um tipo como os outros. Agora assim...

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.