segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

E por cá, ainda no reino da esquizofrenia...

.... leio que a mãe de Sócrates deve qualquer coisa como 47 mil euros ao fisco, fruto da venda daquele apartamentozinho modesto, lá para os lados da Braamcamp. De acordo com aquele maravilhoso pasquim, denominado Correio da Manhã, a senhora não pagou a dívida vencida no final de Novembro. O advogado de sua senhoria já veio afirmar que a sua representada não deve nada ao fisco ou a quem quer que seja.
Não querendo entrar em pormenores insignificantes de como é que uma empregada de limpeza consegue amealhar o suficiente para pagar a um advogado que lhe trate da fiscalidade ou, pasme-se, para comprar um apartamento com uma mais-valia declarada de 130 mil euros, o artigo acaba com a menção de José Sócrates ameaçar regressar à política. E isto, parecendo que não, tem tudo a ver.

Ah! E o Sporting lidera o campeonato...

29 comentários:

  1. A mae de Socrates nao e, nem foi, empregada de limpeza. Tirando isso, o socrates pode voltar mas quem acredita nesse pulha?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como não? Em em mais que um sitio que fazia limpezas, salvo erro numa escola, mas disso já não estou certa.

      Eliminar
    2. E publico que a reforma da mae de Socrates ronda os 3500.00, o que nao poderia ser uma reforma de uma empregada de limpeza. alem disso, e tambem publico que foi administradora de uma das empresas da familia.

      Eliminar
    3. Pois eu sei que a reforma é elevada, o mesmo artigo que falava de um rendimento mensal na ordem do ordenado mínimo, também falava sobre a reforma e o modo como tinha lá chegado. Eu tenho a certeza de que li isto num jornal on line. Já não sei qual, mas isto foi muito badalado, aquando da compra do andar.
      Não estou a ficar maluca, estarei? Eu não sonhei isto...

      Eliminar
    4. Expilica Picante. Ser empregada de limpeza é profissão pouco digna?
      Ser mãe de um político é crime?
      Que tal deixar as famílias em paz?

      Eliminar
    5. É tão feio ler coisas que eu não escrevi....
      Eu por acaso falo em dignidade de profissões? Mas já que pergunta sobre crimes, fuga ao fisco e branqueamento de capital é crime, sim. Obviamente que o dinheiro não vem da mãe. Vem do filho.
      Se quer implicar comigo faça-me um favor e seja inteligente.

      Eliminar
    6. obrigada pelo elogio. prefiro ser pouco inteligente. prefiro deixar as mães dos outros em paz

      Eliminar
    7. Certo, podem cometer crimes mas como são mães vamos deixá-las em paz. Como é que não me lembrei disso?

      Eliminar
    8. http://maiortv.com.pt/declaracoes-fiscais-desmentem-fortuna-de-mae-de-socrates-781/

      Esta é uma de entre muitas. Não inventei nada.

      Eliminar
  2. Fazia limpezas e tem uma reforma de 3.500 euros? Há aqui um monte de coisas que não batem certo.

    Joaquina Silva ( que acaba de tombar do escadote juntamente com o limpa vidros e que espera, convictamente, que o mesmo aconteça ao sporting)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ao que me lembro do que li, o irs declarado foi muito baixo durante uma série de anos, depois houve um cargo de administração num negócio qualquer para subir o ordenado nos últimos 10 anos.
      Caramba, quando tiver tempo vou procurar, ainda há-de estar na net...

      Eliminar
    2. Muitas pessoas fazem isso, alias, ha ate quem abra empresas so para poder ter uma alta remuneraçao, para depois meter a reforma. A lei permite, se tem alguma coisa contra, apresente uma alteraçao a lei.

      Eliminar
    3. Vamos lá a ver se nos entendemos. Eu não tenho nada contra o que é legal, embora possa não achar justo. Agora o que eu tenho tudo contra é alguém que toda a vida pagou impostos sobre um rendimento de X, de repente arranjar dinheiro para comprar uma casa no valor de XXXXXXXX e ninguém querer saber de onde veio essa repentina fortuna. Porque das duas, uma: ou toda a vida fugiu ao fisco e é crime, ou anda a fazer branqueamento de capitais que também é crime. Isto partindo do principio que não herdou nenhuma fortuna e que não ganhou o jackpot do Euromilhões.

      Eliminar
  3. Conselho: se nos blogs a menina não acredita em tudo o que lê, tente levar esse espírito crítico para fora da blogosfera, ficava-lhe melhor.

    Conselho 2: deixe de ler só o CM e o Record, caso não tenha reparado o sportem já era 1º a semana passada!

    de borla, não agradeça amyga que dei de boa vontade!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não agradeço, não, se os conselhos tivessem algum préstimo vendiam-se. Esse não foge à regra.

      Eliminar
  4. Bom, talvez tentem novamente descredibilizar o Sócrates, tendo em conta a ameaça de regressar à política... O que eu até acho bem, visto que aquele imprestável corrupto está bem é a estudar Filosofia, ou lá o que ele estava a estudar.

    Quanto ao resto, a situação da senhora mãe do Sócrates só mostra o patife que ele é. Nada a ver com o Patife da blogosfera, que esse é genial!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A notícia da cora do apt na Braamcamp tem pelo menos mais de 1 ano.
      E ninguém vai acreditar que a mãe de um político cozinhado para ser primeiro-ministro vive com 400€, ou vai. Filho de peixe sabe nadar, fica tudo em família que tão culpado é o que roupa como o que fica à porta.

      Eliminar
  5. A família materna do Sócrates é tudo menos pobrezinha. Um tio "só" é dono da Quinta do Lago. Para criticar o senhor há toda uma gestão governamental para pegar, não é necessário utilizar (mais uma vez) a família.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dono da Quinta do Lago?
      Ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah ah
      Os comentadores da Picante são exatamente como ela: acreditam em tudo o que leem...

      Eliminar
    2. acreditam no que lhes dá jeito acreditar. se esta senhora fosse mãe de outro qualquer que não este artista, esta posta nunca teria visto a luz do dia.

      Eliminar
  6. Ora vamos por partes, como diria o canibal:

    - nunca pensei dizer isto, mas depois deste governo pasitos conejo, que saudades do sócras;

    - toda a gente pode enriquecer, nada contra, o que acho mal é que não me ensinem como se faz;

    - não dou qualquer credibilidade a esse artigo não assinado num sitezeco qualquer de "notícias";

    - até parece que descobriram a pólvora, essa de andar uma vida a declarar salário mínimo e nos últimos dez anos, os que contavam para cálculo da reforma, davam um salto de rendimentos jeitoso; perguntem a qualquer profissional liberal reformado como se faz, houve tanto sócio gerente, tanto advogado a ganhar misérias e que se reformou tão bem;

    - por acaso se querem barafustar com reformas, agradeçam ao sócras o facto de um político reformado já não poder acumular a subvenção vitalícia (paga por uma alegadamente falida caixa geral de aposentações, para a qual muitos idiotas como eu descontam) e ainda um salariozinho em cargo público. É claro que entretanto muitos desses "reformados" da política optaram pela subvenção, deixaram o cargo no instituto ou instituição pública, criaram uma sociedade unipessoal (da qual são os únicos sócios, para quem não perceba disto), e prestam serviços de consultoria ao mesmo organismo, mas quem factura é a sociedade. E é isto, o cano de esgoto em que vivemos.

    - e pronto, não gosto do sujeito, que não gosto, mas em termos de esqueletos no armário, ele e o actual podiam fazer um reality show.

    ResponderEliminar
  7. Eu até tenho muito a barafustar com as reformas, até porque estou convencida que a mim não me vai calhar nada, mas não é esse o caso. Não estou a pôr em causa a reforma de ninguém.
    Já sei onde li isto, foi no DN, se bem que o próprio DN, citava como fonte o Correio da Manhã, até admito que haja aqui muito sensacionalismo.
    Eu só gostava que fossem cruzados os sinais exteriores de riqueza com a própria da riqueza declarada, não me parece que seja pedir assim muito, estou convencida que concorda comigo.
    (Bem até é pedir muito que seria um aborrecimento para meio mundo de trafulhas, mas também seita bastante mais justo, ou não?)

    ResponderEliminar
  8. Ui, se eu sou a favor do cruzamento de dados. E que as pessoas tenham de explicar como, se ganham 20, têm dinheiro para gastar 40 por mês. É que há quem consiga explicar, ao cêntimo, o que tem. Se não conseguem, algo de muito estranho se passou.

    ResponderEliminar
  9. Olha... Se o Sócrates voltar e tiver apoio popular... Bem... Nessa altura terei a certeza que merecemos o que temos!!

    ResponderEliminar
  10. É bom que se dê o benefício da dúvida nem tudo o que se escreve corresponde à realidade.
    Mais um pouco e já faziam aqui o julgamento, ele e a mão no banco dos réus.

    ResponderEliminar
  11. Além do mais é atrevida. Que provas tem que o dinheiro é do Sócrates, caso não saiba a senhora que até nem devia ser noticia porque é uma mera anônima é rica. O dinheiro é de família o que já foi dito por Sócrates em entrevista.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónima, só por causa destes comentários dei-me ao trabalho de andar a pesquisar na internet e de falar com gente que cresceu na Covilhã e conhece bem quer o Sócrates, quer a sua família.
      A família até pode ter dinheiro mas deve ter aparecido por obra e graça do Espírito Santo: o pai era professor de liceu, a mãe fazia limpezas. Hoje em dia há dinheiro, há uns anos não havia, acho uma pena que esta capacidade de enriquecimento célere não seja acessível a todos, eu também não me importo de fazer umas limpezas se ao fim de uns tempos conseguir comprar um apartamento na Braancamp, daqueles que custam quase 1 milhão de euros.
      Quanto a isso de a senhora ser uma mera anónima, parece óbvio que não é. É a mãe de um ex primeiro ministro, com tudo o que isso implica. Dizer o contrário é pura demagogia.

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.