terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Disso do serviço público

A semana passada deu-se o caso de uma mulher se cruzar com aquilo, do Natal dos hospitais, a verdade é que de repente uma mulher abriu a boca de espanto e pensou que a troika ainda tem muito por onde cortar.

9 comentários:

  1. Infelizmente o nosso canal público usa e abusa dos dinheiros públicos. O natal dos Hospitais até nem me choca... é uma maneira de alegrar os doentes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. S*... se eu estivesse doente e me obrigassem a assistir aquilo...acho que me suicidava.

      Eliminar
    2. Os doentes e a ti, porque, aposto, não perdes um!

      Eliminar
    3. Lulu, é programa que não vejo, porque tenho noção que é um tédio.. Todos os anos é a mesma lengalenga. No entanto, sei lá, é uma animação para quem está nos hospitais... acho eu. E quem não gosta, não assiste - estou-me a referir aos doentes.

      Anónimo, pois, eu já sei!

      Eliminar
    4. Alegrar? Caramba, já não é suficientemente mau uma pessoa estar doente e ter de passar o Natal no hospital?

      Eliminar
    5. Picante, imagino que deve ser doloroso... Mas olhe, pense assim. para muita gente, deve ser a única visita que recebem. :(

      Eliminar
  2. Dê-se por feliz enquanto puder assistir pela TV. Pode dar-se o caso de, um ano destes, lá calhar assistir ao vivo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aquilo só pode fazer mal às pessoas, ou então é uma forma maquiavélica de poupar nas anestesias

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.