sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Ainda a propósito dos murais virtuais

As mensagem continuam, muitas têm fotografias, já me escangalhei a rir ao ver as do Eusébio e do Morgan Freeman, enfim são parecidos, também são de raça negra, não é verdade? Mas de repente dou com os olhos numa com o símbolo da paz, era formado por pessoas, pelo que as linhas não eram tão perceptíveis como o são graficamente, aquilo assemelhava-se extraordinariamente ao símbolo da Mercedes e, de repente, tudo fez sentido, é mesmo paz o que sinto ao entrar no automóvel alemão.

(em não se dando o caso de ser hora de ponta e eu estar na 2ª circular, está visto)

16 comentários:

  1. E o jornal italiano... que denomina Nelson Mandela como o pai do Apartheid...

    http://attivissimo.blogspot.pt/2013/12/per-il-giornale-e-per-chi-lo.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. hã? A página não existe. Diziam mesmo isso? Tão bom, Jesus. Ainda melhor que esse rumor inteligente de o Cavaco Silva ter vetado a libertação de Mandela.

      Eliminar
  2. Detecto na maioria dos comentários a estes tres posts uma atitude de respeito.Pelo Mandela. Aprecio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um homem bom não merece nada menos que respeito e admiração.

      Eliminar
  3. e assim, sem mais nem menos, tudo esquece o mandela e o facebook passa a ser só sorteio do mundial... coisas da vida!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lembra-me o senhor do adeus, de repente toda a gente lhe acenava de volta e sentia imensas saudades, nunca mais o Saldanha seria o mesmo.

      Eliminar
    2. sem nenhum desprezo pelo senhor (o do adeus) morei alguns anos naquela zona, passei por lá bastantes vezes à noite e se o vi 2 vezes foi muito. juro.
      a carneirada é uma coisa que me dá cá umas voltas...

      Eliminar
    3. Pois, eu passava muitas vezes de dia e nunca o vi. Pensei que era eu que era muito distraída.

      Eliminar
    4. ele quando estava era sempre de noite e nunca de dia.

      Eliminar
  4. Tu quoque Cavacus, o dizes !!!!!

    ResponderEliminar
  5. Sobre carros de marca alemã:
    Sabes minha querida,que os ciganos os usam quando vão vender roupa:á feira do relógio .

    ResponderEliminar
  6. Sobre carros de marca alemã:
    Sabes minha querida,que os ciganos os usam quando vão vender roupa:á feira do relógio .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh Elísio, de facto não sabia que os ciganos os usavam especificamente para vender roupa na feira do relógio, em calhando será porque eu não vou à feira do relógio. Que acha Elísio?
      E esse comentário extraordinariamente elucidativo quer dizer exactamente o quê Elísio? Se os ciganos usam, não presta? É tão banal que até os ciganos usam? Tenha cuidado, querido Elísio, não vá ser acusado de discriminar etnias minoritárias, aqui por alguma dona Joaquina. Ou será que estou a perceber mal e o que o Elísio sugere é que todos almejemos o estilo de vida cigano? Que delícia, não acha Elísio? Todos no relógio a usar automóveis alemães e a vender roupa com defeito!... Como é que não me lembrei disso mais cedo?
      Obrigada Elísio e volte sempre, gosto tanto quando os comentadores são muito melhores que os posts...

      Eliminar
  7. Se queres que te ponha a mão, só dentro dum carro alemão.
    Da série com um piropo sempre à mão não te falta animação.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um Aston Martin também não seria mal, não senhora. O que seria de mim sem esses piropos? Nem os dias se passariam da mesma maneira.

      Eliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.