sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Estas férias...

Fui até à Savana, de braço dado com o Daniel e a Isabel, só lamentei que o Dibó não me tivesse explicado mais da sua cultura, gosto disso, de acabar a viagem com sede de saber mais, revisitei Pemberley, é sempre um prazer revisitar Pemberley ou Northanger, uma mulher sente-se a viajar até outros tempos, em Itália passei por Florença, entrei no palazzo Vecchio por outra mão, aquela que sabe de simbologia, passei pelas ruas de Tessalonica, entre Gregos cristãos e muçulmanos, com Katerina, não houve tempo para mais, foram umas excelentes férias, a pilha dos quatorze diminuiu, a ver até onde me levam os próximos tempos, com mais vagar é certo, agora que as férias se aproximam do fim, mas sempre com o mesmo prazer, porque viver também é isto, de viajar sem sair do mesmo sítio, pela mestria e habilidade de outrem.

25 comentários:

  1. Acho que reconheci esse perfume da savana... :) É tão bom quando os livros nos permitem viajar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, eu vi o link no seu blog. Gentil oferta de um gentil homme.

      Eliminar
  2. Ahahah... Tão bom. Sou sua fã. A sério que sou. E quanto mais as D. Joaquinas se reviram mais eu lhe acho graça. Juro.

    ResponderEliminar
  3. Ler é viajar de borla e sonhar de olhos abertos!
    Continuação de boas férias!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, é isso, viajar à borla, eu também já tinha dito lá atrás que, em calhando, a Picante só foi à festa da Ana para lanchar à borla, eu bem sei como elas apreciam uma boa borla, mas pela resposta dela pareceu-me que ela ficou um pouco enxofrada, agora vamos lá ver como é que ela reage a este seu comentário, Sexinho.

      Eliminar
    2. Anónima. Já sou dadora há muitos anos. Conseguirá não ser tão poucochinha? Começo a ficar farta de si, a senhora não se cansa de si própria? Haja pachorra

      Eliminar
  4. "fala-lhes de batalhas de reis e de elefantes"-mathias énard
    para quem gosta de viajar no tempo e no espaço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não conheço mas se há coisa que gosto é de romances hustóricis. Obrigada pela dica!

      Eliminar
  5. Minha nossa, a minha alma está pasma. E eu que pensava que a menina só viajava para fora cá dentro na Ursa e na Cocó, e na + Doce com pausa no Salgado e vai-se a ver até andou pelas savanas e tudo. Deixou à sua secretária S* o trabalho de a actualizar, não foi, santinha?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pessoas poucochinhas pasmam-se com pouco.

      Eliminar
    2. Porque e que esta pessoa nao se cala?Porque e que a dona deste Blog se deixa humilhar?e nao apaga os comentarios de chinelo?Isto ja enjoa!
      Respeitosamente,
      Ana Paula

      Eliminar
    3. Ana Paula, nem sonha o tipo de comentários que vou eliminando, essa senhora é uma chata de galochas. Apesar de me divertir em ir aborrecendo a dona Joaquina, já começo a cansar-me, ela não consegue mudar o disco.

      Eliminar
  6. A Pipoca desculpe mas fiquei curiosa com esse livro da minha chará porque eu também me chamo Isabel. Qual é?
    Costumo vir ler a Pipoca e costumo comentar como anónimo porque não tenho conta mas não sou uma dona Joaquina, não se assuste. :)
    Isabel Soares.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Perfume da Savana de Ludgeto Santos. Um romance passado em África, nos anis 60. Só tive pena que não tivesse mais de costumes e história, soube a pouco.
      (E eu não ponho os anónimos todos no mesmo saco, a maior parte dos que aqui passam são gente bem educada, concordem ou não comigo)

      Eliminar
    2. Muito obrigado.
      Ludgero.

      Eliminar
    3. Eu é que agradeço, caro Ludgero foi um verdadeiro prazer, não durou mais de 3 dias nas minhas mãos e soube a pouco. Quando isso acontece é porque a coisa nos prende.

      Eliminar
    4. Olá. Como passou o senhor OCorvo?

      :)

      Eliminar
    5. errata

      Ludgero Santos
      anos 60

      (comentar via tm dá sempre nisto, peço desculpa)

      Eliminar
  7. Estava-se bem em pemberley? Estou curiosa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mr. Darcy é de uma gentileza sem fim, o perfeito anfitrião. Não me canso de Jane Austen, já li todos os seus livros várias vezes.

      Eliminar
  8. Pipoca, estou curiosa: que livro é esse sobre Florença?

    ResponderEliminar
  9. Inferno. Dan Brown é um dos meus guilty pleasure.
    Este é praticamente todo passado em Florença

    ResponderEliminar
  10. Uhum, agora até fiquei curiosa em ler o livro, apesar de ser dele.

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.