quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Verdades Picantes #18

E por falar em falsos moralistas, lembro-me, vá-se lá saber porquê, isto das associações é uma coisa tramada, das tias benzocas e das suas caridadezinhas, sempre metidas nas igrejas mas que não hesitam em subornar o Dr Francisco, aquelas que põem os filhos loiros, vestidos de Ralph Lauren, ao lado dos pretinhos a quem deram uns brinquedos semi-novos, que isto está tudo pela hora da morte, e aproveitam para tirar umas fotografias que pespegam no facebook, ou enviam por mail para as amigas, as mesmas que falam amigavelmente com toda a gente e que nunca difamam o próximo, é sempre com um "coitadinha da Mixuca, veja lá o que ela foi fazer....", mas falava eu dos falsos moralistas, aqueles que se indignam com tudo, veem maldade em tudo, criticam o destilar de ódio alheio, a falta de vida e sei lá eu mais o quê... e, no entanto, vai-se a ver e os comentários que vão, simpaticamente, depositando aqui e ali, são maldosos, mesquinhos, muito mais odiosos e intolerantes que qualquer opinião sobre a qual opinam. Engraçado, não é? A vida tem destas incoerências fantasticamente lixadas.

12 comentários:

  1. vou imitar o luis figo:
    queremos mais...

    gosto destas dissertações apesar de moralista que é moralista, não deve apontar o dedo, se não é como o que condena o politica e depois foge ao fisco porque diz que toda a gente foge e mais-não-sei-o-quê.

    ResponderEliminar
  2. As pessoas bem tentam esconder o seu mau fundo, mas esse vem sempre ao de cima.

    ResponderEliminar
  3. @S* Nunca tento esconder o meu mau fundo (excepto quando está frio) sou má como as cobras e não o escondo

    ResponderEliminar
  4. Adoro o proverbio que diz "pelos remendos da tua batina vejo eu a tua soberba"

    ResponderEliminar
  5. Li o comentário que deixou no Pipoco a propósito do post dele sobre "cabras" e tenho a dizer o seguinte:
    Mais detestáveis do que os tristes que andam por aí a espalhar diarreia misógina são AS tristes que, para se armarem em 'cool', assinam por baixo. É de uma imbecilidade sem nome.

    ResponderEliminar
  6. Menos, anónimo menos... nem o post é misóginon afinal é sobre tolerância, o Pipoco tolera as "cabras", nem eu preciso de me armar em cool, afinal as coisas são como têm de ser e eu sou cool.
    E lá está... está a ver quem é intolerante aqui? Uma pessoa diz que gosta de cabras e vem logo outra chamar-lhe imbecil. E a imbecil sou eu? hum?
    Serenal, anónima, serenal (já que a educação não está à venda).
    Agora ide em paz.

    ResponderEliminar
  7. Vá, toca mais é toda a gente fazer boas acções que o natal está próximo. E lá para Janeiro voltaremos às questões do nosso umbigo.

    ResponderEliminar
  8. Dasseee!!! Ainda continuas a falar do mesmo gajo??
    Mas ele é assim tão importante para lhe dedicares tantos posts?
    Ou vá lá confessa, ele fez-te alguma de que tu não gostaste e agora estás a vingar-te... ;)

    ResponderEliminar
  9. Este post é sobre um "gajo"? ahahahahah
    (obrigada anónima, do fundo do coração lhe agradeço)

    ResponderEliminar
  10. :DDD

    Pipoco!!!

    Há um blog chamado pipoco?!?!?!

    :DDD

    Desculpem achei imensa graça. Cada um chame o que quiser ao que é seu, claro.





    ResponderEliminar
  11. Carmo,
    O Pipoco mais Salgado. É muito bom, de vez em quando tem momentos verdadeiramente sublimes. Aliás, a Pipoca só nasceu para confirmar a teoria dele, que na verdade se confirma em parte, mas a triste verdade é que se eu escrevo correctamente o homem escreve realmente bem, tem um sentido de humor cínico que adoro.
    Claro está que há quem não saiba ver provocação onde ela existe e realmente se irrite com isso.
    Vá espreitar. É bom.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo das 14.24, este post, para que fique claro, é sobre comportamentos e não visa absolutamente ninguém em particular, aliás como toda a sequela. Fui escrevendo em parte devido a vários comentários que fui recebendo, a maioria dos quais nem foram publicados, por serem demasiado ofensivos para com: a Pipoca, um determinado blog ou alguns dos comentadores.

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.