terça-feira, 17 de julho de 2012

À parte

O valor das coisas também está no tempo que elas duram, que o tempo também contribui para a intensidade com que acontecem, é esse tempo que me faz rir e chorar a dois, porque apetece, que sim, que nos é necessário, que há pessoas incomparáveis não só pelos momentos inesquecíveis que foram mas, sobretudo, pela certeza dos que hão de vir, a certeza de que serás sempre uma das minhas pessoas.

4 comentários:

  1. A intensidade não surge do ar, surge dos sentimentos que as pessoas despertam de nós - e isso requer tempo. :)

    ResponderEliminar
  2. Um texto bastante bonito. O tempo também deve ser valorizado. O viver hoje como se fosse o último dia nem sempre (quase nunca) dá certo.

    ResponderEliminar
  3. Com certeza anónimo(a) mas por vezes sabe muito bem.
    (tenho de parar com esta mania de me contradizer)

    ResponderEliminar

Os comentários são da exclusiva responsabilidade dos comentadores.
A autora do blog eliminará qualquer comentário que ofenda terceiros, a pedido dos mesmos.